Quase 60 mil mortes relacionadas à Covid-19 foram registradas na China em pouco mais de um mês. A informação foi divulgada no sábado, dia 14, pela comunicação do próprio país. Esse é o primeiro grande número de mortes publicado pelo governo desde que flexibilizou as rígidas medidas sanitárias em dezembro.

Este saldo não inclui os óbitos registrados fora dos hospitais. O número inclui 5.503 mortes causadas por insuficiência respiratória diretamente devido ao vírus e 54.435 mortes causadas por doenças subjacentes combinadas com a covid.

A China é acusada de não declarar todas as mortes causadas pelo vírus desde que abandonou sua política de “covid zero” em dezembro.

Editado pelo Tribuna do Recôncavo | Informações: Metro1