web analytics

Câncer mata 32 pessoas por dia na Bahia

Foto: Carlos Sodré/ Ag. Pará/ Fotos Públicas

O câncer lidera o número de causas de mortes na Bahia. Por dia, em todo estado, cerca de 32 pessoas tornam-se vítima fatais da doença, de acordo com dados do Ministério da Saúde referente ao ano de 2016. Para se ter uma ideia do crescimento da doença, em 2011, o câncer nem aparecia como principal causa de mortes no estado.

De acordo com dados do Ministério da Saúde, a partir do DataSus, a neoplasia maligna ocupa o topo do ranking de mortalidade na Bahia, tendo vitimado 11.697 pessoas em 2016 – média de 32 por dia. Ainda segundo a pasta, deste total 6.261 foram homens e 5.436 mulheres. Já quanto à faixa etária da população, cerca de 45% das vítimas eram idosos entre 60 e 79 anos. (mais…)

Epidemias de zika e chikungunya podem voltar com força no verão

Foto: Rafael Neddermeyer/ Fotos Públicas

A poucos meses do início do verão, especialistas alertam que o Brasil pode voltar a sofrer com epidemias de Zika e Chikungunya. Apesar da redução da incidência de casos este ano, as doenças transmitidas pelo mosquito Aedes aegypti podem voltar a ter força a partir de dezembro ou janeiro de 2019, quando já terá passado o período da primeira onda de surto em alguns estados.

O pesquisador colaborador da Fundação Oswaldo Cruz em Pernambuco Carlos Brito, disse que o país se dedicou mais nos últimos dois anos no estudo dos impactos do Zika, devido ao surto e a perplexidade causada pelos casos de microcefalia nos bebês. Ressaltou, no entanto, que mesmo assim o país continua despreparado para atender novos casos das arboviroses, principalmente de Chikungunya.

“Na verdade, deixou-se um pouco de lado a Chikungunya que, para mim, é a mais grave das arboviroses. E as pessoas geralmente nem têm ciência da gravidade, nem estão preparadas para conduzir a Chikungunya. É uma doença que na fase aguda não só leva a casos graves, inclusive fatais, mas deixa um contingente de pacientes crônicos, que estão padecendo há quase dois anos com dores, afastamento das atividades habituais de trabalho, lazer, vida social”, explicou Brito. (mais…)

Atividade física turbina o cérebro em qualquer fase da vida, diz pesquisa

Editada | Foto: Lucas Figueiredo/ CBF/ Fotos Públicas

Além de ajudar a prevenir problemas lá na frente, os exercícios físicos deixam nossos neurônios mais capacitados para responder aos desafios do dia a dia, e o raciocínio mais rápido do que os piques dos grandes corredores. Movimentar o corpo fortalece tanto a massa muscular, quanto a massa cinzenta.

“Os estudos científicos apontam que a prática esportiva diminui o risco de comprometimento cognitivo leve em 35% e o de Alzheimer em 51%. Além de aprimorar o funcionamento de um cérebro considerado saudável”, explica Guilherme Reis, coordenador geral da rede Alpha Fitness.

Em uma análise de oito estudos com voluntários de diversas faixas etárias, pesquisadores da Universidade da Columbia Britânica, no Canadá, concluíram que o fato de a pessoa não gastar o dia inteiro sentada, já está associado a um melhor desempenho em testes cognitivos – e a uma probabilidade reduzida de demência. Dito de outra maneira, as células nervosas – assim como o bíceps ou a musculatura da coxa – ganham potência ao serem estimuladas por uma vida movimentada. (mais…)

Saiba como superar obstáculos de forma positiva sem perder o controle emocional

Foto por Joe St. Pierre

Planejar o futuro muito possivelmente seja uma das coisas que você goste de fazer. Bacana. Fazer planos, ter sonhos e objetivos é ótimo. Nos motiva e nos coloca pra frente. Temos uma ideia, construímos um futuro na nossa cabeça e começamos a buscá-lo. Mas não é necessário muitos anos de vida para já perceber que as coisas nem sempre saem como planejado. A estrada é cheia de buracos e às vezes ficamos trancados em alguns.

Complicações fazem parte do dia a dia. Têm vezes que as coisas ficam bem complicadas e passamos por fases difíceis. Nessas horas existem diferentes formas de lidar com elas. Muitas pessoas sofrem e ficam batendo cabeça contra os acontecimentos e infortúnios. Mas outras, têm uma característica muito bacana e que precisamos aprender a desenvolver. É a nossa capacidade de resiliência.

A habilidade de ser resiliente é algo cada vez mais importante nesse mundo de mudanças constantes que vivemos. Ser resiliente basicamente significa saber se adaptar à nova realidade quando a vida apronta algo que não gostamos. É saber superar obstáculos de forma positiva sem perder o controle emocional. Aceitar a nova realidade por mais que não seja aquela que se deseja e começar a ver o que fazer para melhorar a partir desse novo ponto.

A resiliência nos ajuda a desprender do passado e encarar a nova fase de frente. Assim como precisa ser. Sem lamentações pelo leite derramado. Com coragem e vontade de vencer. Assim, mantendo nossos planos e sonhos no caminho de serem alcançados.

Texto produzido com exclusividade para o Tribuna do Recôncavo por Juan O’Keeffe (mais…)

Margarina x manteiga: Qual a melhor opção para a saúde?

Foto: Pixabay

Manteiga ou margarina? Com certeza a dúvida já passou pela sua mente, seja na hora de preparar uma receita, tomar café da manhã ou comprar os produtos no mercado.

Apesar de serem igualmente saborosas, as duas possuem grandes diferenças no que diz respeito a sua origem e valores nutricionais.

Para ajudar a entender melhor, a Dra. Renata Domingues, médica especializada em Nutrologia, diretora responsável da Clínica Adah e vice-presidente da Associação Brasileira de Nutrologia Médica (Abranutro), explicou cada uma delas. Confira: (mais…)

Preliminares no Sexo: Descubra os segredos para arrasar na hora “H”!

Foto: Pixabay

Para uma relação sexual ser boa é preciso que ambos sintam prazer, mas a pressa dos homens pulando etapas fundamentais, como as preliminares, tem deixado as mulheres insatisfeitas com a vida sexual.

Para a sexóloga e consultora do site www.cdate.com.br, Carla Cecarello, os homens são afoitos e esquecem que uma boa preliminar pode ser muito melhor que a penetração em si. Carla explica que as mulheres precisam do aquecimento inicial e não é apenas uma coisa de mulher, é que todo esse processo auxilia na preparação do clitóris e da vagina para receber a penetração.

Segundo a sexóloga, as mulheres se sentem incomodadas quando vão para a cama com um homem que não olha para ela. “Elas gostam de serem olhadas, gostam de serem tocadas no corpo. Quando o homem não faz isso, não aprecia o corpo dela, ela se sente incomodada por não ser percebida por ele”, diz. Ainda segundo Carla, Para o sexo ser bom o homem tem que demonstrar desejo por aquela mulher através da pegada, do jeito que ele chama o corpo da mulher para perto do corpo dele. (mais…)

OMS: Sedentarismo atinge 25% dos adultos e 81% dos jovens atualmente

Foto: Orlando Kissner/ Fotos Públicas

Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), um em cada quatro adultos não pode ser considerado praticante de atividade física. Entre os adolescentes (11-17 anos), quatro em cada cinco são sedentários. Nos adultos, o sedentarismo está presente em 23% dos indivíduos; já nos mais jovens, esse índice é de 81%.

Os dados sobre inatividade física foram apresentados pela Organização Mundial de Saúde no início de junho de 2018, juntamente com uma meta global: que países-membros da OMS se comprometam com a redução do sedentarismo em 10% até 2025 e em 15% até 2030. A nova meta da entidade está atrelada a outros objetivos: a diminuição das taxas de doenças associadas ao sedentarismo. Pessoas que não praticam atividade física têm mais chance de desenvolver condições como infarto, AVC (Acidente Vascular Cerebral), câncer de mama e câncer colorretal, por exemplo.

A atividade física também ajuda no controle do peso, contribui para a saúde mental e previne condições como a pressão alta. “O sedentarismo não é uma doença atual, porém tem feito cada vez mais vítimas conforme o passar dos anos e as mudanças de hábitos cotidianos da população. Ele pode ser evitado com práticas de atividades físicas ou de esportes, trazendo benefícios físicos e mentais para o praticante”, explica Igor Castro, Diretor Técnico da Rede Alpha Fitness. Seja através de atividades físicas de pouco impacto ou de alta intensidade, a prática de esportes melhora a qualidade de vida, desempenho físico, relaxa o corpo, renova células do corpo, ajuda a fazer amizades e fortalecer laços já existentes. (mais…)

SUS fechou 12 leitos por dia nos últimos oito anos no Brasil

Foto: Pixabay

Uma média de 12 leitos de internação da rede pública de saúde foram fechados diariamente em todo o Brasil nos últimos oito anos. Segundo levantamento feito pelo Conselho Federal de Medicina, o número representa mais de 34,2 mil leitos de internação do SUS (Sistema Único de Saúde) no período.

Em maio de 2010, o país tinha 336 mil leitos, número que caiu para 301 mil este ano. Apenas nos últimos dois anos, mais de 8 mil unidades foram desativadas. Ao todo, psiquiatria, pediatria cirúrgica, obstetrícia e cirurgia geral foram as especialidades mais prejudicadas. (Metro 1)

6 dicas para manter o alongamento capilar sempre lindo

Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/ Agência Brasil

O alongamento capilar vem conquistando o coração das mulheres seja pela praticidade ou pelo desejo de mudar o visual sem radicalizar, obtendo fios mais volumosos e cheios de vida. Entretanto, são necessários alguns cuidados básicos para que as extensões permaneçam sempre em boas condições. Agora, confira 6 dicas para manter o look perfeito:

 

1 – Pentear os cabelos

Pentear os cabelos deve ser um item incluído na lista de rotinas diárias para manter o alongamento. O importante é ter cuidado e paciência: comece desembaraçando a parte inferior para depois subir ao longo do comprimento. Pentear suavemente gera melhores resultados, uma vez que puxar pode causar a quebra dos fios naturais.

 

2 – Não dormir com os fios molhados

Dormir com os cabelos molhados pode propiciar a proliferação de fungos, pois o couro cabeludo permanece quente e úmido. Além disso, o hábito também causa a quebra dos fios. (mais…)

Cuidados simples ajudam a asma não estragar suas férias

FOTO: SIDNEY OLIVEIRA / AG. PARÁ/ FOTOS PÚBLICAS

Jornada de trabalho, organização doméstica, trabalhos da faculdade e a rotina multidisciplinar da criançada. A correria do dia a dia faz com que uma palavra não saia das nossas cabeças: férias. Mas quem tem asma, doença crônica que afeta as vias áreas e gera dificuldade de respiração, precisa estar atento para aproveitar por completo os dias de descanso. Alguns cuidados simples podem evitar crises e garantir o aproveitamento deste período tão desejado.

 

1 – Cuidado com resfriados

Evite mudanças bruscas de temperatura como, por exemplo, as alterações provocadas por ar condicionado, que tornam o corpo mais vulnerável a resfriados e, consequentemente, podem provocar sintomas de asma.

 

2 – Beba bastante água

No inverno, temos a tendência a beber menos água. Porém, o funcionamento do aparelho respiratório sofre uma alteração que pode levar à desidratação por causa da baixa umidade do ar. Beber bastante líquido por dia pode amenizar este quadro. (mais…)

Salvador: Encontro discutirá sobre doença causada pelo consumo de bebidas alcoólicas

Foto: Fernanda Carvalho/ Fotos Públicas

Vai acontecer em Salvador, neste sábado dia 14, um evento com os mais renomados hepatologistas da capital baiana para discutir sobre a esteatose hepática, doença causada, principalmente, pelo consumo excessivo e crônico de bebidas alcoólicas.

Se não tratar, a conhecida gordura no fígado pode levar, a longo prazo, a inflamação crônica do local, causando cirrose ou até câncer. O evento será realizado na unidade do Rio Vermelho da Clínica AMO, das 8h às 12h.

Editado por Tribuna do Recôncavo | Informações: ASCOM

Surto psicótico pode ter sido causa de acidente na Bahia, psiquiatra comenta

Na noite de quinta-feira (05/06), um acidente com um ônibus interestadual que tombou no km 771, da BR-116, na região da cidade de Planalto, Sudoeste da Bahia, despertou a atenção para um quadro que não é tão incomum como se imagina e pode gerar graves consequências – os surtos psicóticos.

O problema no ônibus ocorreu após um dos passageiros ter um surto psicótico e atacar o motorista. De acordo com informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), o homem, que não teve a identidade revelada, teria surtado e dado um “mata-leão” no condutor do veículo fazendo com que ele perdesse o controle da direção.

“Um surto psicótico é quando há alteração de pensamento que faz com que a pessoa se comporte de maneira estranha.  Seria como se ele começasse a imaginar que a avó queria matá-lo, então iria matá-la para se defender.  Se a avó dele fosse substituída por um monstro, por um exemplo, ele tentaria matá-la para salvar a avó.  Isso tudo dentro do contexto delirante.  Claro que não podemos falar sobre um caso que não está sendo avaliado de perto”, salienta Fabiana Nery, psiquiatra da Holiste. (mais…)

Identificar o melhor momento para fazer exercícios físicos potencializa os benefícios

Editada | Foto: Lucas Figueiredo/ CBF/ Fotos Públicas

O hábito de realizar exercícios, colocado em definitivo na rotina das pessoas, não é tarefa fácil! São muitas as variáveis que podem ter influência no engajamento ou evasão e uma delas é o horário que cada pessoa escolhe para treinar. É preciso avaliar o melhor momento do dia para cada indivíduo, junto com um profissional, para que a saúde seja beneficiada e não existam brechas nem desculpas para faltar.

“Pode-se relacionar o ritmo circadiano, conhecido popularmente como relógio biológico – a forma como o corpo regula os hormônios, temperatura corporal, ritmo cardíaco e outras funções essenciais. Tudo isso influencia o quão alerta, ou sonolento, uma pessoa se sentirá em determinados momentos do dia. Portanto essa é uma escolha individual”, explica Guilherme Reis, coordenador geral da rede Alpha Fitness.

Ter um horário fixo facilita a manutenção da rotina de atividades físicas. Há casos em que se exercitar logo cedo ajuda a reduzir as desculpas, existem pessoas que trabalham o dia todo, então a solução é sair imediatamente do trabalho e ir para academia, sem passar em casa. A maioria das pessoas, por uma questão de logística, tende a separar uma parte da manhã ou da noite para fazer seus exercícios físicos. (mais…)

Médico explica riscos de usar manteiga e borra de café em queimaduras

Foto: Reprodução/ Vídeo

O início dos festejos juninos, principalmente em ano de Copa do Mundo, traz à tona um importante alerta de saúde: cuidados com queimaduras. Quando ocorre um acidente, surgem diversos “tratamentos” conhecidos popularmente, com o uso de produtos caseiros. As indicações vão desde manteiga e borra de café até pasta de dente. No entanto, a sabedoria popular é totalmente contraindicada nesses casos.

O cirurgião plástico Marcos Barroso, coordenador do Centro de Tratamento de Queimados do Hospital Geral do Estado (HGE), contou que já presenciou até mesmo o uso de tinta azul em queimaduras. O profissional alertou que o uso desses produtos apenas piora as lesões. “O grande problema desse tipo de tratamento é a infecção que isso pode causar. Essas substâncias, na maioria das vezes, aumentam a lesão da queimadura.

Para tirar esse tipo de substância, o paciente ainda tem que se submeter a um procedimento cirúrgico, porque adere muito ao tecido”, explicou. De acordo com dados da Secretaria da Saúde da Bahia (Sesab), o HGE registra um aumento de cerca de 15% no período. Em 2017, foram 24 atendimentos por queimaduras por fogos e 29 por explosão de bomba, entre os dias 23 e 25 de junho. (mais…)

SAJ: Dr. Fred alerta para os cuidados com a alimentação e bebida no São João

Foto: Hélio Alves/ Tribuna do Recôncavo

O médico Dr. Frederico Warderley, gastroenterologista da Cliday em Santo Antônio de Jesus, alerta os internautas para os cuidados que os mesmos devem ter com a alimentação durante o São João.

Segundo ele, o milho, utilizado para preparar a canjica e a pamonha, não faz muito mal, mas quem já tem alguma doença de base como diabetes, hipertensão, intolerância a lactose, ou algum problema gástrico, deve ficar atento aos ingredientes usados na produção desses alimentos, principalmente a quantidade de açúcar e leite.

Dr. Fred, como é conhecido, lembra aos internautas que não tem nenhum problema de saúde, que também evitem excesso das comidas típicas, principalmente aquelas que tem muito sal e muito açúcar. E se for beber, que não faça misturas de bebidas destiladas com bebidas fermentadas, por exemplo, não deve misturar cerveja com Wisque.

Dr. Fred também recomenda a ingestão de frutas e verduras, como também a ingestão de bastante água, a qual vai hidratar o corpo, evitar a ressaca e prevenir problemas nos diabéticos e idosos. Antes de ir para a festa, o mesmo orienta que a pessoa não deve ir com o estômago vazio, mas também não deve comer além da conta.

Ouça o áudio abaixo:

Fonte: Tribuna do Recôncavo

OMS inclui vício em videogame em classificação internacional de doença

Foto: Pixabay

A Organização Mundial da Saúde (OMS) publicou nesta segunda-feira (18), a nova Classificação Internacional de Doenças (CID), um sistema que foi criado para listar, sob um mesmo padrão, as principais enfermidades, problemas de saúde pública e transtornos que causam morte ou incapacitação de pessoas. Pela primeira, o vício em videogames foi incluído como perturbação mental, ou seja, doença caracterizada pela “perda de controle no jogo”. O diagnóstico considera, por exemplo, a falta de controle e a prioridade dos jogos na vida da pessoa.

O documento também passou a incluir condições relacionadas à identidade de gênero no capítulo sobre saúde sexual – antes estavam relacionadas à saúde mental. A 11ª edição da CID será apresentada na Assembleia Mundial de Saúde, que ocorrerá em maio de 2019, para que seja aprovada pelos Estados-Membros. Se aceitas, as mudanças deverão entrar em vigor 1º de janeiro de 2022. A OMS recebeu mais de 10 mil sugestões de profissionais de saúde de todo mundo para a formatação da nova classificação, A CID-10, ainda em vigor, foi aprovada em 1990.

De acordo com as propostas, serão incluídos um capítulo sobre medicina tradicional, outro sobre saúde sexual, considerando o tema relativo a transgêneros, e o transtorno gerado pelos jogos de videogame. Neste último caso, o tema está entre as “desordens de dependência”. Para o diagnóstico do vício em videogame, a OMS diz que é necessário haver um comportamento extremo com consequências sobre as “atividades pessoais, familiares, sociais, educativas ou profissionais” e, “em princípio, manifestar-se claramente sobre um período de pelo menos 12 meses”. A relação de doenças listadas na CID reúne mais de 55 mil códigos. (Agência Brasil)

Voltar à página inicial