Mutuípe: Paróquia Santo Antônio de Pádua realiza festa do seu padroeiro

Mutuípe: Paróquia Santo Antônio de Pádua realiza festa do seu padroeiro - mutuipe, destaqueFoto: Maria do Carmo

Na tarde desta quinta-feira, dia 13, a Paróquia Santo Antônio de Pádua, em Mutuípe (BA), que tem como Pároco o Padre José Bonfim Santos Rodrigues, encerrou os festejos em louvor ao seu Padroeiro Santo Antônio. Aconteceu na igreja matriz, situada no bairro Santo Antônio, a solene Celebração Eucarística, presidida pelo Padre Edson Santos Nascimento, Pároco da Paróquia São José do Andaiá em Santo Antônio de Jesus-BA, contando com a presença do Padre Adivan Pereira (MS), Pároco da Paróquia São Vicente Ferrer em Ubaíra e do Diácono Fernando Jesus Carvalho, que auxilia o Padre José Bonfim nas atividades missionárias e celebrativas nas Paróquias São Roque e Santo Antônio de Pádua.

Os festejos em louvor a Santo Antônio tiveram início com um Trezenário preparatório, com uma Programação que teve início em 31 de maio, culminando no dia 12 de junho, pautada no tema IGREJA – COMUNIDADE CASA DA MISSÃO em consonância com a Diocese de Amargosa, contando com a participação das Pastorais, Movimentos e Grupos das comunidades rurais e urbanas integrantes das Paróquias Santo Antônio de Pádua e São Roque de Mutuípe e de Paróquias convidadas das cidades circunvizinhas.

Padre Edson ao proferir a homilia na Celebração Eucarística fez uma saudação especial aos leigos e leigas ressaltando a sua presença no mundo como SAL DA TERRA E LUZ DO MUNDO sendo a presença de Deus lá fora, onde por vezes não podemos ir. “Em um mundo cada vez mais secularizado, o testemunho e a presença de vocês como sujeito eclesial da comunidade é importantíssimo”. O mesmo citou também o Papa Francisco, endossando a sua fala, ao dizer que cada Santo é uma página do Evangelho e uma atualização do Evangelho de Jesus Cristo para o mundo. Destacou também a vida de Santo Antônio, sua missão no mundo, sua pregação e sua caridade.

Após a celebração, foi realizada uma Procissão conduzindo a imagem do padroeiro Santo Antônio pelas ruas do bairro, culminando com a bênção do Santíssimo Sacramento.

Matéria: Maria do Carmo/ Tribuna do Recôncavo.

Mutuípe: Estudantes do Colégio Estadual Antônio Felipe Evangelista Neto usam mel de cacau como herbicida

Mutuípe: Estudantes do Colégio Estadual Antônio Felipe Evangelista Neto usam mel de cacau como herbicida - mutuipe, destaqueFoto: Rafael Santos

De acordo com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), 80% do plantio de cacau na Bahia pertence a pequenos produtores e agricultores familiares. Esse tipo de produção demanda um financiamento próprio, por isso quando problemas que afetam a feitura e qualidade do cacau surgem, as despesas da plantação são de alto impacto.  Pensando nisso, os estudantes Bernardo Amaral, João Santos e Davi Barreto, do Colégio Estadual Antônio Felipe Evangelista Neto, localizado em Mutuípe (BA), no Vale do Jiquiriçá, utilizaram o mel de cacau como herbicida biológico para impedir o desenvolvimento de ervas daninhas na cultura desse fruto.

O orientador do projeto, Rafael Santos, explica que o cacau é uma das principais fontes de renda da região e orgulho da comunidade. Por isso, inspirou o estudo sobre uma possível alternativa que colaborasse com os produtores, já que os danos nas plantações são uma séria preocupação financeira. “Normalmente o controle dessas ervas é caro e algumas opções de tratamento causam impactos negativos ao meio ambiente e à saúde humana. Diante disso, decidimos explorar a possibilidade do uso do mel de cacau como um pesticida biológico”.

Após uma revisão bibliográfica sobre as propriedades do mel de cacau e a eficácia como herbicida natural, os estudantes conduziram um levantamento de campo para identificar as espécies de ervas daninhas mais comuns nas plantações em Mutuípe. “Os resultados mostraram que o mel de cacau reduziu significativamente o crescimento das pragas e os custos de controle em 25%, comparando aos herbicidas químicos”, destaca. (mais…)

Mutuípe: Loja Maçônica promove 14ª campanha do agasalho

Mutuípe: Loja Maçônica promove 14ª campanha do agasalho - mutuipe, bahiaFoto: Hélio Alves/ Tribuna do Recôncavo

A Loja Maçónica Força e União Vale do Jiquiriçá, na cidade de Mutuípe, lançou a 14ª campanha do agasalho, cujo objetivo é ajudar pessoas em situação de vulnerabilidade social a enfrentarem o inverno com mais conforto, segurança e dignidade.

“Buscamos incentivar a solidariedade em toda sociedade mutuipense para que assim possamos alcançar o máximo de famílias possíveis. Contamos com a sua colaboração. Um forte abraço e que Deus abençoe todos nós!”.

Edição: Tribuna do Recôncavo | Informações: Vale Mais Noticias.

Mutuípe: Homem é assassinado dentro de residência

Mutuípe: Homem é assassinado dentro de residência - mutuipe, destaqueFoto: Arquivo Pessoal

Um jovem foi morto no primeiro andar de uma residência localizada Rua Lídio Santos, às margens da BR-420, em Mutuípe (BA). O crime ocorreu no início da tarde de sábado, dia 18. Alex Santos da Cruz, de 19 anos, foi morto a tiros dentro do quarto.

Dois indivíduos chegaram em uma motocicleta em frente a residência, um deles subiu e efetuou os disparos enquanto o outro esperava no veículo. Após a ação, ambos fugiram em direção ao município de Laje.

Segundo a Polícia Militar, Alex já havia cumprido pena no presidio de Valença em 2023.

Edição: Tribuna do Recôncavo | Informações: Mídia Bahia.

Mutuípe: Poeta Oscar Santana lança o livro “CANTARES AO MEU POVO”

Mutuípe: Poeta Oscar Santana lança o livro “CANTARES AO MEU POVO” - noticias, mutuipe, bahiaFoto Divulgação

Na noite de sexta-feira, 18 de maio, aconteceu na Casa de Cultura de Mutuípe-BA o evento de lançamento do livro do Professor e Poeta Oscar Santana, intitulado “CANTARES AO MEU POVO”: A poesia de Solano Trindade como movimento social negro (Rio de Janeiro 1944-1961), fruto de sua pesquisa e tese de doutorado, enfatizando dentre outras temáticas abordadas por Solano: Poemas sociais, Memórias da escravidão, lutas contra o racismo, mulheres negras e religiões afro-brasileiras.

Sobre esta sua nova obra, o Professor e poeta Oscar Santana, ressalta: “O objetivo deste livro é discutir conceitualmente a Poesia de Trindade Solano como Movimento Social Negro, articulando literatura, História e Sociologia”.

O evento foi mediado pela Senhora Sileide Andrade, gestora da Casa de Cultura e contou com a presença de escritores, professores, amigos e conterrâneos do do autor. Integraram a Programação, apresentação musical com Laís Lima e João Paulo Alves e recital de poesias por Aurineide Thethê, Mariana Ferreira (representada por seus familiares), João Paulo Alves e Maria do Carmo.

O Professor Oscar fez a leitura comentada do primeiro capítulo do livro e na oportunidade prestou homenagem aos familiares, amigos, professores, escritores e ex-alunos, ressaltando a importância destes personagens na sua trajetória enquanto professor e escritor.

Mutuípe: Poeta Oscar Santana lança o livro “CANTARES AO MEU POVO” - noticias, mutuipe, bahia

Maria do Carmo e Oscar Santana

Maria do Carmo, professora, Poeta, escritora e colunista do TRIBUNA DO RECÔNCAVO que participou do evento, homenageando Oscar com poesias autorais, enfatizou também a necessidade da valorização dos escritores locais e regionais, com a divulgação das suas produções em eventos, escolas e da importância da leitura via livro físico.

Professor Oscar Santana é natural de Mutuípe-BA, Professor e Poeta, licenciado em História pela UNEB, Mestre em História Regional e Local – UNEB,  Doutor em Estudos Étnicos e Africanos -UFBA. Autor dos livros: Mutuípe – Meu pedacinho de chão (2014) e Uma Viagem histórica pelas estradas da Esperança: representações literárias do cotidiano da região e da desativação da estrada de ferro Nazaré (Bahia, 1960-1971), participou também de Antologias Literárias.

Matéria: Maria do Carmo da Silva/ Tribuna do Recôncavo.

Mutuípe: Seminarista Fernando é ordenado diácono

Mutuípe: Seminarista Fernando é ordenado diácono - noticias, mutuipe, destaque, catolicoFoto: Hélio Alves/ Tribuna do Recôncavo

O seminarista Fernando Jesus Carvalho foi ordenado diácono na noite desse sábado, dia 27, na Igreja Matriz da Paróquia São Roque, em Mutuípe (BA). A Celebração Eucarística foi presidida pelo bispo da Diocese de Amargosa Dom Juraci Gomes de Oliveira e concelebrada pelo anfitrião Padre Bonfim e sacerdotes de outras paróquias.

Para Fernando, “Deus e a Igreja confirmam o bom propósito que venho alimentando dentro do meu coração ao longo desses 9 anos. Foi uma noite de alegria, mas de responsabilidade porque eu sei que abraço com minha vida e minha vocação o ministério do diaconato. A vida é um serviço e daqui pra frente a minha vida vai ser um serviço em favor do povo de Deus”, disse Carvalho.

Fernando fez o estágio pastoral de 8 meses na Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, em Santo Antônio de Jesus, e há aproximadamente 2 meses está em Mutuípe auxiliando o Padre Bonfim nas paróquias São Roque e Santo Antônio. Quanto as expectativas para ser ordenado padre, Fernando falou que vai viver o seu ministério diaconal para que Dom Juraci, por meio da Igreja e do querer de Deus, lhe confirme o ministério presbiteral.

Matéria: Hélio Alves/ Tribuna do Recôncavo.