Após discurso de Bolsonaro, Rui diz que não vai ‘baixar a guarda’ e pede união contra o coronavírus

Após discurso de Bolsonaro, Rui diz que não vai 'baixar a guarda' e pede união contra o coronavírus - politicaFoto: Mateus Pereira/ GOV-BA

O governador da Bahia, Rui Costa, se posicionou, nesta quarta-feira, dia 25, pela manhã, após o presidente Jair Bolsonaro desestimular medidas gerais de restrição contra o coronavírus, em pronunciamento na noite desta terça-feira, dia 24.

Por meio das redes sociais, Rui reafirmou o compromisso de “não baixar a guarda” no combate à disseminação do vírus e pediu união para superar a “grave crise” causada pela pandemia. “É momento da Bahia unida independente das suas preferências políticas, das suas crenças, dos credos”, escreveu.

Rui ainda se disse solidário aos estados do Nordeste e a todo o Brasil. “É uma guerra. Que Deus nos dê equilíbrio e força”, afirmou.

Metro1

Bolsonaro confirma que ministro de Minas e Energia tem coronavírus

Bolsonaro confirma que ministro de Minas e Energia tem coronavírus - politicaFoto: Bruno Spada/ MME

O ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, teve o diagnóstico positivo para o coronavírus, segundo informou o presidente Jair Bolsonaro (Sem partido).

A informação foi divulgada por ele nesta quarta-feira, dia 18, em coletiva de imprensa em Brasília. Inicialmente, o ministro havia testado negativo para o Covid-19.

Mais cedo, o chefe do gabinete de Segurança Institucional, general Augusto Heleno, confirmou que testou positivo para a doença. O militar esteve com o presidente Jair Bolsonaro (Sem partido) na recente visita de trabalho aos Estados Unidos.

Metro1

PDT quer que a Justiça obrigue Bolsonaro a fazer quarentena por coronavírus

PDT quer que a Justiça obrigue Bolsonaro a fazer quarentena por coronavírus - politicaFoto: Fabio Rodrigues Pozzebom/ Agência Brasil

O PDT ingressou com uma ação judicial de urgência para que o presidente da República, Jair Bolsonaro,  seja obrigado a entrar em quarentena e fique proibido de manter contato, incitar ou organizar manifestações populares até a volta da normalidade das questões de saúde pública. A ação tramita na Justiça Federal do Distrito Federal.

Segundo a ação, Bolsonaro coloca em risco a saúde dos cidadãos ao desrespeitar recomendação do Ministério da Saúde e da Organização Mundial da Saúde (OMS) para combate contra o novo coronavírus. “Não se trata do cuidado com a sua saúde individual, mas com a responsabilidade compartilhada de estar inserido em uma comunidade”, diz o documento. Apesar de inicialmente ter pedido a apoiadores que não fossem aos atos deste domingo, dia 15, por conta da propagação do vírus, o presidente estimulou os protestos com postagens nas redes sociais e ainda participou das manifestações em Brasília.

O presidente, sem uso de máscara, tocou manifestante e manuseou os celulares de alguns para fazer selfies. Até o momento, 13 pessoas que estiveram com Bolsonaro durante viagem a Miami (EUA) estão infectadas com o Covid-19. Segundo o partido de oposição, a decisão judicial de impor a quarentena não diminuiria ou vilipendiaria os direitos do presidente, já que ele poderia exercer as suas funções em resguardo, via redes sociais.

Bahia Noticias

Bolsonaro se diz ‘bem’ e confirma novo exame de coronavírus

Bolsonaro se diz 'bem' e confirma novo exame de coronavírus - politicaFoto: Marcos Corrêa/ PR

O presidente Jair Bolsonaro (Sem partido) confirmou que será examinado mais uma vez para o  novo coronavirus nesta segunda-feira, dia 16. A orientação que o presidente recebeu é de manter isolamento até a data do teste.

No entanto, ele ignorou as recomendações e participou de um ato pró-governo, em frente ao Palácio do Planalto, em Brasília, que reuniu centenas de pessoas. Em primeira avaliação, houve uma contraprova que testou negativo para o Covid-19.

No entanto, questionado duas vezes em entrevista, Bolsonaro disse que está se sentindo “muitíssimo bem”. “Querer colocar a culpa de uma possível expansão do vírus na minha pessoa porque eu vim saudar alguns na frente aqui da presidência da República num movimento que não convoquei é querer se ver livre da responsabilidade que é de todos nós”, disse o presidente.

Redação: Metro1 | Informações: Rádio Bandeirantes

Bolsonaro desmente imprensa internacional e diz que exame deu negativo para a Covid-19

Bolsonaro desmente imprensa internacional e diz que exame deu negativo para a Covid-19 - politicaFoto: Isac Nóbrega/ PR

O presidente Jair Bolsonaro publicou nas redes sociais, por volta das 12h40, que o exame realizado no laboratório HFA/Sabin, em Brasília, atestou negativo para o Covid-19.

Assim, o presidente não está com coronavírus, como publicou o site da Fox News mais cedo. Acompanhando o tweet, Bolsonaro publicou uma foto em que aparece dando uma “banana” para jornalistas.

De acordo com a publicação, o filho do presidente, deputado Eduardo Bolsonaro, havia confirmado o resultado positivo do primeiro teste.

Bahia.Ba

Monitorado, Bolsonaro está próximo da faixa de risco para o coronavírus

Monitorado, Bolsonaro está próximo da faixa de risco para o coronavírus - politica, celebridadeFoto: Fabio Rodrigues Pozzebom/ Agência Brasil

Depois que o secretário de Comunicação da Presidência, Fábio Wajngarten, testou positivo para coronavírus, o presidente Jair Bolsonaro e outros integrantes da comitiva que foi aos Estados Unidos junto com Fábio estão sendo monitorados. Bolsonaro completa 65 anos no próximo dia 21 e estaria próximo à faixa de idade de risco dos infectados pelo coronavírus.

Nesta semana, uma equipe de cientistas chineses analisaram 191 pacientes internados em dois hospitais de Wuhan, dos quais 54 morreram. O estudo constatou que idade avançada, problemas de coagulação sanguínea e sintomas de septicemia são os três principais fatores de risco de morrer com a doença causada pelo vírus.

A idade média dos que morreram é de 69 anos, em comparação com os 52 anos dos sobreviventes. Fábio Wajngarten foi um dos mais próximos do presidente durante a viagem. Ele publicou inúmeras fotos nas redes sociais e também teve contato com o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump.

Bahia.Ba

Governo Bolsonaro defende fundo eleitoral no STF

Governo Bolsonaro defende fundo eleitoral no STF - politicaFoto: Alan Santos/ PR

Mesmo após sugerir a eleitores que “não votem em quem usa o fundão”, e depois dizer que era obrigado a assinar os recursos, o presidente Jair Bolsonaro viu sua equipe defender o fundo eleitoral no STF. A informação é da coluna de Guilherme Amado.

Ao manifestar-se sobre pontos contestados pelo Podemos nas regras aprovadas no ano passado, a Advocacia-Geral da União (AGU) alegou que o presidente vetou vários aspectos das mudanças, mas lembrou que o fundo eleitoral “foi um mecanismo encontrado pelo legislador para viabilizar a realização das campanhas eleitorais”.

Segundo a publicação, a AGU também argumentou que o assunto já foi regulamentado pelo TSE e que entendimento do STF é de que “existe uma ampla margem de conformação legislativa na formulação de um modelo constitucionalmente adequado de financiamento”.

Bahia.Ba

Vice-governador João Leão é internado no Hospital Cárdio Pulmonar

Vice-governador João Leão é internado no Hospital Cárdio Pulmonar - politica, celebridadeFoto: Camila Souza/ GOV-BA

O vice-governador e secretário de Desenvolvimento Econômico do Estado da Bahia, João Leão, foi internado nesta quinta-feira, dia 27, no Hospital Cárdio Pulmonar.

De acordo com a assessoria do governo, Leão “passa bem e apenas realiza check up geral e exames médicos de rotina”. O vice-governador completa 74 anos nesta quinta.

Bahia.Ba

Prefeitura de Guarujá diz que não irá multar Bolsonaro por infração de moto

Prefeitura de Guarujá diz que não irá multar Bolsonaro por infração de moto - politicaFoto: Marcello Casal Jr./ Agência Brasil

A Prefeitura de Guarujá, no litoral de São Paulo, informou que não irá multar o presidente Jair Bolsonaro por infração de trânsito. Na segunda, dia 24, o presidente circulou de motocicleta pela cidade sem que o capacete estivesse preso ao pescoço. O motivo, segundo a Diretoria de Trânsito de Guarujá, é que autuações por infração de trânsito ocorrem somente a partir do flagrante feito pelos agentes no local. Mas não havia guardas municipais ou agentes de trânsito acompanhando Bolsonaro durante o passeio.

Foi o próprio presidente que publicou o vídeo em suas redes sociais. Não é possível multá-lo com base no vídeo, informou a Diretoria de Trânsito. A fiscalização de trânsito em Guarujá também é feita pela Polícia Militar, que escoltava o passeio de Bolsonaro. Questionada se aplicou multa ao presidente pela infração, a corporação não respondeu até a última atualização desta reportagem. A Diretoria de Trânsito de Guarujá informou ao G1 não ter conhecimento de eventual autuação feita ao presidente pela PM.

Segundo a resolução 453 do Contran (Conselho Nacional de Trânsito), de 2013, “é obrigatório, para circular nas vias públicas, o uso de capacete motociclístico pelo condutor e passageiro de motocicleta, motoneta, ciclomotor, triciclo motorizado e quadriciclo motorizado, devidamente afixado à cabeça pelo conjunto formado pela cinta jugular e engate, por debaixo do maxilar inferior”. Procurada, a Secretaria de Comunicação do Palácio do Planalto informou que não irá comentar. Durante o trajeto de moto e com o capacete solto, Bolsonaro parou em frente ao triplex que ocasionou a condenação do ex-presidente Lula por corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

G1

Rui Costa decide não pular mais carnaval para repousar

Rui Costa decide não pular mais carnaval para repousar - politicaFoto: Pedro Moraes/ GOV-BA

O governador da Bahia, Rui Costa (PT), decidiu que não vai mais pular carnaval neste ano para descansar. No início deste ano, o chefe do Palácio de Ondina passou por uma cirurgia para a retirada de um nódulo mamário e ginecomastica.

Na folia deste ano, o governador compareceu à saída do Olodum na última sexta-feira, dia 21. E, neste domingo, dia 23, concedeu entrevista à imprensa e visitou camarotes no Campo Grande.O governador da Bahia, Rui Costa (PT), decidiu que não vai mais pular carnaval neste ano para descansar.

No início deste ano, o chefe do Palácio de Ondina passou por uma cirurgia para a retirada de um nódulo mamário e ginecomastica. Na folia deste ano, o governador compareceu à saída do Olodum na última sexta-feira, dia 21. E, neste domingo, dia 23, concedeu entrevista à imprensa e visitou camarotes no Campo Grande.

Bahia Noticias

Bolsonaro confirma viagem aos EUA para tentar trazer fábrica da Tesla para o Brasil

Bolsonaro confirma viagem aos EUA para tentar trazer fábrica da Tesla para o Brasil - politicaFoto: Marcos Corrêa/ PR

O presidente Jair Bolsonaro confirmou nesta sexta-feira, dia 21, que irá aos Estados Unidos em março para tentar trazer para o Brasil uma fábrica da Tesla, montadora americana de veículos elétricos. A informação foi divulgada por meio das redes sociais.

“Em março estarei nos Estados Unidos. Em nossa extensa agenda a possibilidade da Tesla no Brasil”, publicou o presidente. A postagem veio acompanhada da imagem de uma planta da empresa com o título “Governo quer instalar no Brasil fábrica da montadora norte-americana de veículos elétricos Tesla”.

Nesta quinta-feira, dia 20, o deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), filho do presidente, já havia publicado sobre o interesse do governo brasileiro na instalação da fábrica. Ele afirmou ter participado de videoconferência sobre o assunto com o ministro de Ciência e Tecnologia, Marcos Pontes, e o ministro-conselheiro da embaixada dos EUA no Brasil, William Popp.

Bahia Noticias

Jequié: Vídeo mostra suposta negociação de propina com prefeito; gestor nega ocorrido

Jequié: Vídeo mostra suposta negociação de propina com prefeito; gestor nega ocorrido - politica, jequie, destaqueImagem Ilustrativa | Foto: Pixabay

Um vídeo que circula nas redes sociais mostra uma cena de uma suposta negociação de propina que envolve o prefeito de Jequié, no sudoeste baiano, Sérgio da Gameleira, e um fornecedor. O diálogo ocorre dentro de um carro. O gestor está de costas no banco do motorista. No carro há ainda duas pessoas, uma no carona e outra no banco de trás, que faz as imagens.

Uma das pessoas pergunta ao prefeito: “E como é que eu faço?”, o que o administrador diz: “O quê?”, o interlocutor acrescenta: “O meu, que ele ficou de me dar, que já venceu foi pra janeiro?”. Gameleira volta a perguntar: “De quê? De Luiz?”. O homem afirma: “Sim. Ele tá dizendo, ‘o Sérgio não passou, Bruno’”. Nesta quarta-feira, dia 19, Gameleira afirmou que a conversa não tem relação com a gestão dele, e sim sobre assuntos pessoais.

Gameleira disse nesta quarta-feira, dia 19, que o caso se trata de uma armação contra ele. Segundo o gestor, a situação ocorreu quando ele procurou um agiota para resolver assuntos pessoais. O vídeo também estaria editado. O prefeito ainda declarou que o irmão dele foi procurado dias antes por uma pessoa que exigiu dinheiro para não divulgar as imagens. Sérgio da Gameleira também afirmou que o material teria relação com opositores interessados no desgaste dele.

Redação: Bahia Noticias | Informações: Rádio 93 FM

Michelle Bolsonaro pede outro lugar para trabalhar

Michelle Bolsonaro pede outro lugar para trabalhar - politicaFoto: Carolina Antunes/ PR

Michelle Bolsonaro pediu uma nova sala para abrigar a equipe do programa Pátria Voluntária, coordenado por ela. A solicitação foi feita após a polêmica de que a biblioteca da Presidência da República, localizada no Palácio do Planalto, seria reduzida pela metade para abrigar a primeira-dama.

nesta segunda-feira, dia 17, Michelle se reuniu com o ministro da Secretaria-Geral, Jorge Oliveira, responsável pela biblioteca, e se queixou da repercussão negativa. Ela também pediu que sua equipe fosse alocada em outro espaço. A informação foi publicada pela revista “Crusoé”.

De acordo com a coluna Bela Magale, assessores do Planalto informaram que um novo local está sendo providenciado para abrigar a primeira-dama e sua equipe. Com isso, a biblioteca deve voltar a ter seu tamanho original.

Metro1

Eleitor tem até maio para regularizar título

Os cidadãos que tiveram o título de eleitor cancelado têm até o dia 6 de maio para regularizar a situação. Após o prazo, quem não estiver em dia com o documento, não poderá votar nas eleições municipais de outubro, quando serão eleitos prefeitos, vice-prefeitos e vereadores nos 5.568 municípios do país. No ano passado, 2,4 milhões de títulos foram cancelados porque os eleitores deixaram de votar e justificar ausência por três eleições seguidas. Para a Justiça Eleitoral, cada turno equivale a uma eleição.

Para regularizar o título, o cidadão deve comparecer ao cartório eleitoral próximo a sua residência, preencher o Requerimento de Alistamento Eleitoral (RAE) e apresentar um documento oficial com foto. Além disso, será cobrada uma multa de R$ 3,51 por turno que o eleitor deixou de comparecer. O prazo para fazer a solicitação termina no dia 6 de maio, último dia para emissão do título e alteração de domicílio eleitoral antes das eleições.

Além de ficar impedido de votar, o cidadão que teve o título cancelado fica impedido de tirar passaporte, tomar posse em cargos públicos, fazer matrícula em universidades públicas, entre outras restrições. A situação de cada eleitor pode ser verificada no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). O primeiro turno será realizado no dia 4 de outubro. Se necessário, o segundo turno será no dia 25 do mesmo mês. Cerca de 146 milhões de eleitores estarão aptos a votar.

Agência Brasil

Temer diz que encerrou carreira política e afirma não ser mais candidato

Temer diz que encerrou carreira política e afirma não ser mais candidato - politicaFoto: José Cruz/ Agência Brasil

O ex-presidente Michel Temer (MDB) afirmou que não tem mais nenhuma intenção de concorrer a eleições, dentre as quais ao Palácio do Planalto, onde ocupou a cadeira entre agosto de 2016 e dezembro de 2018, após o impeachment de Dilma Rousseff (PT). Para ele, depois de usar a faixa presidencial, não existe mais cargo a ocupar politicamente.

“A essa altura, eu não tenho nenhuma intenção [de ser candidato]. Até porque, quem chegou à Presidência da República, em primeiro lugar, não pode ocupar outro cargo. Em segundo lugar, tem que ser de uma discrição absoluta. O que eu tenho procurado fazer”, disse Temer em entrevista. “Eu já fui de tudo”, declarou.

O ex-presidente acrescentou que pretende se manter o mais discreto possível porque considera este o papel a ser desempenhado por quem foi presidente da República. Temer entrou para a vida pública em 1983 ao ser nomeado procurador-geral do Estado de São Paulo pelo governador Franco Montoro. Ele foi deputado constituinte, presidiu a Câmara dos Deputados três vezes, foi vice-presidente e presidente da República. Também comandou o PMDB por 15 anos, quando o partido era o maior do Brasil.

Redação: Bahia.Ba | informações: UOL

Regina Duarte acerta distrato com a Globo

Regina Duarte acerta distrato com a Globo - politicaFoto: Marcos Corrêa/ PR

A atriz Regina Duarte acertou o distrato com a Globo para assumir a Secretaria Especial de Cultura do governo de Jair Bolsonaro.

Regina teria que rescindir seu contrato vitalício para poder assumir um cargo público. Segundo a assessoria de imprensa, faltam apenas detalhes que estão sendo fechados.

Regina se reuniu com a cúpula da emissora esta semana, no Rio de Janeiro, para tratar do tema. De acordo com a jornalista Monica Bergano, a Comunicação da Globo disse que ainda não tem a confirmação da chegada de um acordo.

Bahia.Ba

Voltar à página inicial