Dinamarca e Suécia anunciaram nesta segunda-feira, dia 02, que vão reabrir suas embaixadas em Kiev, capital da Ucrânia, como apoio ao país e contra a invasão russa. Em seu perfil no Twitter, a ministra das Relações Exteriores sueca, Ann Linde, disse: “na quarta-feira, a embaixada sueca voltará a Kiev (…). A Suécia seguirá ao lado da Ucrânia”.

Antes, em uma visita surpresa, o ministro dinamarquês das Relações Exteriores, Jeppe Kofod, cuja viagem não foi anunciada previamente, disse que “é um símbolo muito forte do apoio dinamarquês à Ucrânia e ao povo ucraniano reabrir hoje a embaixada da Dinamarca”.

A diplomacia americana anunciou, também nesta segunda-feira, dia 02, que espera fazer o mesmo “até o final do mês”.

Metro1