Após um caminhão, que transportava óleo diesel, tombar no Morro do Pai Inácio, na Chapada Diamantina (BA), moradores da comunidade de Campos do São João relatam preocupação com contaminação da água.

Técnicos da seguradora da empresa responsável pelo transporte, além de integrantes do Ibama e do Inema estão fazendo vistorias para garantir que o diesel não atinja o lençol freático. No entanto, além deste risco, os moradores enfrentam também outro problema com o mesmo rio: a forte seca, que compromete o abastecimento da comunidade.

Elzito Guimarães, presidente da Associação Comunitária e morador do distrito há mais de 40 anos, diz que a falta d’água tem impactado diretamente na rotina. A chegada de abastecimento por parte do governo deve demorar ainda três meses, até lá resta aos moradores conviver com a aflição.

Metro1