O corpo do último baiano que desapareceu na tragédia de Brumadinho, em Belo Horizonte (MG), foi identificado. A informação foi divulgada por um familiar da vítima nesta segunda-feira (15). O jovem, identificado como Alex Mário Moraes Bispo, de 22 anos, foi o último dos sete baianos desaparecidos na tragédia a ser localizado. Ele era natural de Santo Amaro, no Recôncavo baiano.

A vítima foi identificada em março após exames realizados no Instituto Médico Legal (IML) de Brumadinho. O jovem foi enterrado na cidade de Mário Campos (MG), onde morava com a família. Ele deixa esposa e um filho de 2 anos.

Alex Mário é sobrinho de Ademário Bispo, que também morreu na tragédia. O corpo dele foi localizado no dia 8 de março. Os dois trabalhavam em uma terceirizada da Vale. Eles estavam em serviço quando ocorreu o rompimento da barragem.

Mais dois moradores de Santo Amaro morreram na tragédia. Ednilson dos Santos Cruz, de 23 anos, foi localizado em 29 de janeiro; e George Conceição de Oliveira, de idade não divulgada, foi localizado em 19 de fevereiro.

Foto: Reprodução / Facebook

Ainda há os outros três baianos vítimas do rompimento da barragem são: Tiago Coutinho do Carmo, de 34 anos, que foi encontrado em 17 de fevereiro; Carlos Augusto Santos Pereira, de 49 anos, localizado no início de março; e Cássio Cruz Silva Pereira, de 27 anos, achado em 23 de fevereiro. Carlos era pai de Cássio.

Fonte: G1 | Redação: Bahia Noticias