Por conta das ameaças a fauna silvestre, como caça, captura e tráfico de animais na APA – Área de Proteção Ambiental da Ilha de Tinharé e Boipeba, foi lançada a Campanha de Entrega Voluntária de Aves Silvestres, que tem o intuito de sensibilizar as comunidades locais para a importância da conservação da fauna silvestre na natureza. A campanha ocorre no período de 21 a 24 de setembro na Ilha de Boipeba e Moreré e entre os dias 05 e 08 de outubro, em Morro de São Paulo e Gamboa.

Essa ação faz parte do Projeto de Educação Ambiental para Conservação da Fauna Silvestre no Estado da Bahia e conta com a parceria da Coordenação de Gestão de Unidades de Conservação da Diretoria de Sustentabilidade e Conservação do Inema e do município de Cairu. Para fazer a entrega voluntária em Salvador ou em outra região do estado, basta entrar em contato pelo Cetas Estaduais do Inema, através do Disque Resgate (71) 99661-3998.

Segundo a técnica do Inema, Rosane Barreto, após a entrega das aves silvestres pela comunidade, elas serão avaliadas e estando aptas, serão reintroduzidas à natureza. Vale lembrar que a Posse de Animais Silvestres sem autorização ambiental é crime previsto na Lei de Crime Ambiental nº 9.605/98, porém para quem entrega o animal de forma voluntária fica isento de multa.

Editado pelo Tribuna do Recôncavo | Informações: GOVBA