Em pronunciamento neste domingo, dia 12, o primeiro-ministro do Reino Unido, Boris Johnson, declarou que o país está passando por uma “emergência na batalha contra a nova variante Ômicron”, e que a nova cepa chegará como um “maremoto”.

Ele ainda declarou que todos os cidadãos britânicos a partir de 18 anos poderão receber, já na próxima semana, uma dose de reforço.

O critério para receber a terceira aplicação é que a segunda dose tenha sido aplicada há pelo menos três meses. A meta para reforçar a imunização de todos os adultos no país até o fim de janeiro foi antecipada em um mês. O país está em nível 4 de alerta.

Bahia.Ba