O governo da Itália publicou um decreto, na noite deste sábado, dia 22, com medidas para conter evitar o avanço do novo coronavírus. Três pessoas já morreram no país por conta da doença.

Autoridades informaram que já são mais de 150 casos confirmados do novo coronavírus no país, que enfrenta dificuldades para localizar o “paciente 0”, ou seja, quem levou o novo coronavírus para a Itália. A legislação de emergência incluir uma “toque de recolher”, para limitar a circulação nas cidades afetadas pelo vírus. A norma proíbe a entrada e saída de pessoas dessas regiões e paralisa as atividades comerciais e escolares.

Onze cidades são afetadas pelo decreto, com uma população que envolve mais de 50 mil pessoas. Milão suspendeu as aulas para os estudantes e Veneza cancelou os dois últimos dias do Carnaval da cidade. As duas cidades, no entanto, ainda não estão nas áreas de risco.

Redação: Metro1 | Informações: G1