O casal suspeito de estuprar uma mulher e transmitir o crime durante uma “live” na internet se apresentou à polícia de Brumado, no sudoeste da Bahia, na tarde desta terça-feira, dia 09, acompanhado de um advogado.

De acordo com o titular da Delegacia Territorial (DT) de Brumado, delegado Paulo Henrique de Oliveira, na ocasião, foram cumpridos os mandados de prisão preventiva decretados contra os suspeitos, que agora ficam à disposição da Justiça. O crime aconteceu na zona rural de Brumado, no dia 24 de outubro.

Ainda segundo o delegado, o homem trabalha como Dj e é bastante conhecido na região. A polícia também detalhou que a vítima era maior de idade e foi drogada e alcoolizada antes de ser estuprada. Não há informações sobre como o caso foi denunciado, nem sobre o estado de saúde da vítima. O local onde o crime foi praticado passou por perícia do Departamento de Polícia Técnica (DPT), que recolheu objetos e provas.

G1/ Bahia