Na Jordânia, pelo menos 13 pessoas morreram e mais de 250 ficaram feridas devido ao vazamento de um gás tóxico no porto de Aqaba, nesta segunda-feira, dia 27.

Uma câmera de segurança registrou o momento em que um cabo que levantava um tanque de 25 toneladas se rompeu, derrubando um contêiner. A explosão formou uma grande nuvem amarela.

Esse gás tem alta concentração de cloro, o que o torna nocivo ao ser humano. Segundo a Defesa Civil, equipes especializadas lidaram com o vazamento.

Jornal da Globo