Após a manifestação realizada na manhã desta quinta-feira, dia 5, pelos vendedores ambulantes no centro de Santo Antônio de Jesus (BA), o secretário de infraestrutura, André Araújo, e o ouvidor municipal, Alberto Sacramento, se reuniram com representantes dos ambulantes. O prefeito, Genival Deolino, não pode comparecer à reunião devido à incompatibilidade de agenda.

Após ouvir as demandas dos ambulantes, os representantes da gestão marcaram, para a próxima terça-feira, dia 10, uma reunião com o prefeito, Genival Deolino, a secretária de agricultura e abastecimento, Dra. Nil Correia, e o ministério público, para que o diálogo com os ambulantes inclua também o poder judiciário.

Segundo a gestão municipal, a realocação dos ambulantes para feira livre aconteceu com o intuito de acatar a decisão proferida nos autos do processo judicial de nº 030285009.2015.8.05.0229, movido pelo Ministério Público do Estado da Bahia.

Editado pelo Tribuna do Recôncavo | Informações: PMSAJ