O deputado federal Eduardo Bolsonaro (PL-SP) criticou a politização em torno da bandeira nacional. De acordo com o parlamentar, ‘não vai demorar as bandeiras nacionais serão proibidas. Serão permitidas apenas bandeiras de partidos”, escreveu nas redes sociais nesta quarta-feira, dia 03.

No mês passado, uma juíza eleitoral do Rio Grande do Sul disse entender que a bandeira do Brasil será considerada uma propaganda eleitoral a partir do início oficial da campanha, no próximo dia 16 de agosto. Segundo a magistrada, o símbolo nacional tornou-se marca de “um lado da política” no país.

Bahia.Ba