Além da ponte, o comércio de Ipiaú (BA) voltou a funcionar nesta terça-feira, dia 27, após a inundação do final de semana. Já o fornecimento de água deve ser restabelecido em todo o município até a próxima sexta-feira (30).

Há ainda 485 pessoas desabrigadas e 1,1 mil desalojadas. Segundo a administração municipal, os desabrigados estão em quatro abrigos montados. Não há registro de desabamentos no município. Nesta quarta-feira (28), não chove em Ipiaú. A previsão é de chuvas isoladas durante a tarde e a noite, com temperaturas entre a máxima de 29° e a mínima de 22°, conforme dado do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet).

Desde terça o município intensificou o trabalho de limpezas das vias, mas ainda há áreas alagadas. Após as precipitações recentes, iniciadas na noite do último sábado (24), o nível do Rio de Contas aumentou, causando inundação de cerca de 60% da zona urbana de Ipiaú, na manhã da segunda-feira (26). No mesmo dia, os governadores em exercício, Adolfo Menezes (PSD), e eleito, Jerônimo Rodrigues (PT), estiveram na cidade e prometeram apoio.

Acusada de negligência (ver aqui) devido à inundação do Rio de Contas em diversas cidades da região por conta do aumento da vazão da Barragem de Pedra, em Jequié, a Companhia Hidrelétrica do São Francisco (Chesf) anunciou nesta terça a diminuição da vazão para 1 mil metros cúbicos por segundo, até nova reavaliação.

Editado pelo Tribuna do Recôncavo | Informações: Bahia Noticias