Uma caldeira da unidade de biocombustíveis da Petrobras em Candeias, na Região Metropolitana de Salvador, explodiu na manhã desta sexta-feira, dia 23, resultando na parada de produção da fábrica. De acordo com o Sindipetro, ninguém ficou ferido e a área está isolada.

Segundo o sindicato, a caldeira vinha sofrendo constantes contaminações com produtos químicos do processo produtivo fragilizando os tubos internos, o que pode ter sido a causa da ruptura e consequente explosão que foi sentida nas comunidades do entorno. A sala dos painéis elétricos da caldeira chegou a ser inundada.

Informações obtidas pela Sindipetro afirmam que a gerência geral e gerência de produção tinham ciência das frequentes contaminações devido às inspeções e limpezas realizadas nos tubos da caldeira, mas não tomaram nenhuma providência para corrigir o problema.

Editado pelo Tribuna do Recôncavo | Informações: Bahia Noticias