Duas adolescentes, de 13 e 15 anos, vítimas de abuso sexual em Ubatã, no Médio Rio de Contas, Sudoeste baiano, estão em programa de proteção. A informação foi confirmada ao Bahia Notícias pela Polícia Civil nesta segunda-feira, dia 05.

O pai delas também está na mesma condição. A polícia também informou que posts ofensivos contra as adolescentes também são investigados. As mensagens ocorreram logo após a morte do empresário Eugenildo Almeida Nunes. No último sábado, dia 04, o empresário foi encontrado morto.

Suspeito no caso, ele tinha tido a prisão temporária decretada e até então não se sabia o paradeiro dele. Nunes era investigado pela Polícia Civil e pelo Ministério Público do Estado (MP-BA) dentro da Operação Cilada. Sites da região disseram que havia uma arma ao lado do corpo e uma carta em que ele dizia “não ser um monstro”.

Bahia Noticias