No início da noite de segunda-feira, dia 23, policiais rodoviários federais recuperaram na BR-101, em Itajaí, um carro alugado que não foi devolvido e estava sendo utilizado para fazer serviço de transporte de passageiros via aplicativo.

O Citroen/Cactus, placas de Belo Horizonte/MG, foi abordado durante fiscalização de rotina. Ao consultar os sistemas, os agentes identificaram o registro de apropriação indébita de uma locadora em Maringá/PR.

O condutor disse aos policias ter alugado o veículo há seis meses para trabalhar como motorista. O homem, paranaense de 28 anos, foi levado à Delegacia de Polícia de Itajaí pelo crime de apropriação indébita (artigo 168 do Código Penal).

Editado pelo Tribuna do Recôncavo | Informações: PRF