O infectologista Jamal Suleiman participou na última sexta-feira, dia 4, do evento online “Conexão Paciente, Família e Cuidador”, realizado pelo Instituto Lado a Lado pela Vida. Durante sua apresentação, o médico do Instituto Emílio Ribas, de São Paulo, explicou alguns aspectos da Covid-19 e elencou alguns cuidados que pacientes em tratamento contra o câncer e demais doenças crônicas precisam ter para assegurar sua proteção.

Segundo Suleiman, desde a descoberta do Novo Coronavírus em 2019, o conhecimento médico e científico foi sendo construído aos poucos. Muitas são as questões relacionadas à doença ainda, mas muito já foi descoberto também. Entre os pontos principais está o fato de que algumas pessoas possuírem uma vulnerabilidade maior ao vírus como, por exemplo, os obesos, inclusive os que realizaram cirurgia bariátrica, e pessoas de idade elevada.

“Não podemos esquecer que o jovem também pode ter essa doença que é multisistêmica e multifatorial. Ou seja, são vários fatores que vão contribuir para um desfecho pior ou melhor, independentemente da idade”, afirma.

Portadores de doenças cardiovasculares e pacientes imunodeprimidos como os que estão em tratamento contra o câncer também fazem parte da lista de vulneráveis e, por isso, é importante que sigam os seguintes procedimentos de proteção alertados pelo médico:

  1. Se tiver sintomas da Covid-19, alerte imediatamente seu médico antes de ir à unidade onde esteja fazendo tratamento. Isso pode colocar em risco os demais pacientes. Mantenha-se calmo e aguarde orientações;
  2. Mantenha sua doença sob controle. Use as medicações estritamente conforme recomendação médica;
  3. O uso de máscara não é uma atitude política e sim de compaixão com você e com o próximo. Use-a sempre e de forma correta, cobrindo nariz e boca;
  4. Mantenha-se firme nas ações de distanciamento social e de higienização das mãos. Evite frequentar restaurantes neste período porque você será obrigado a tirar a máscara para se alimentar e, dessa forma, acaba exposto no ambiente;
  5. Unidades de saúde que cuidam de pacientes com câncer estão estabelecendo protocolos bastante rígidos para realizar o atendimento. Respeite e siga corretamente para não colocar sua saúde e de outras pessoas em risco;
  6. Mantenha a sua doença cardiovascular sob controle, tomando os remédios que o seu médico receitou, sejam eles de uso contínuo ou específicos para um episódio específico.
  7. Atualize sua carteira de vacinas, enquanto a do Covid-19 não chega. Mais do que nunca é importante se proteger contra a contaminação de outras doenças.

Assista a palestra com o infectologista Jamal Suleiman:

O Instituto Lado a Lado Pela Vida (LAL) é uma organização brasileira da sociedade civil, sem fins lucrativos, criada em 2008, em São Paulo, para disseminar informação de qualidade para a população sobre saúde do homem, com ênfase à importância do diagnóstico precoce do câncer de próstata. Além do Novembro Azul, o Instituto é o idealizador das campanhas RespireAgosto; Siga seu Coração; Mulher Por Inteiro e #LivreSuaPele.

Matéria: Fernanda Arantes, Soraya Souza e Carolina Neves/ Virta Comunicação Corporativa