A partir desta terça-feira, dia 30, está proibida a publicação de imagens de pessoas sem o consentimento delas no Twitter. A regra impede ainda o compartilhamento não autorizado de dados privados de terceiros, como números de telefone e endereços. Além de fotos e vídeos, a política de informação privada do Twitter proíbe o compartilhamento não autorizado de documentos de identidade, dados financeiros e outras informações de terceiros, como dados médicos ou biométricos.

Essas medidas não são válidas para figuras públicas ou pessoas que foram retratadas em tuítes com informações de interesse público ou com fins jornalísticos. Segundo a rede social, apesar das regras já proibirem comportamento abusivo, a mudança permitirá que a vítima aja especificamente contra imagens que não têm um conteúdo abusivo por si, mas que não são autorizadas.

A plataforma também proíbe a divulgação de dados privados de terceiros, informações que possam levar os titulares a serem vítimas de ataques hackers ou extorsão sob ameaça de publicar conteúdo. Os usuários podem denunciar tuítes com imagens ou informações privadas na Central de Ajuda do Twitter. Para isso, é necessário clicar em “Fale Conosco” e, depois, em “Como permanecer em segurança no Twitter e conteúdo sensível”.

Bahia.Ba