Três mulheres foram assassinadas em menos de 48 horas no Bairro São Caetano, em Salvador. Neste domingo, dia 1º, por volta das 11h59, Milly, como era conhecida, estava na escadaria de uma residência, na Rua do Goró, quando foi atingida por vários disparos de arma de fogo. Milly morreu no local do crime. O pai da jovem ficou desesperado chorando em cima do corpo, enquanto policiais civis tentavam acalmá-lo.

Uma outra mulher que passava pelo local também foi baleada, sendo socorrida e levada para o Hospital Geral do Estado (HGE). Não há informações sobre seu estado de saúde. Os autores dos disparos fugiram em direção a baixada.

Já na última sexta-feira, dia 30, duas mulheres foram assassinadas no mesmo bairro enquanto se divertiam. Ana Carolina Oliveira Barbosa, de 21 anos, e Maricarla Santos Oliveira, de 28 anos, estavam em um bar na Rua Francisco Correia da Cunha, quando pouco antes da meia noite um grupo chegou atirando. Ambas morreram no local.

A autoria e motivação dos 4 crimes (três homicídios e uma tentativa) estão sendo investigadas pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

Redação: Tribuna do Recôncavo | Informações: A Tarde e Informe Baiano