Os professores da Universidade do Estado da Bahia (Uneb) decretaram greve por tempo indeterminado durante assembleia realizada nesta quinta-feira (4).

Os docentes já haviam começado a se mobilizar durante a manhã, ocupando o prédio onde funciona a reitoria da instituição, no bairro do Cabula, em Salvador.

Os professores pedem reajuste salarial e o cumprimento dos direitos trabalhistas, a exemplo das promoções na carreira, progressões e mudança de regime de trabalho.

Bahia Noticias