Um homem de 27 anos, suspeito de assaltar bancos na Bahia, Minas Gerais e Tocantins, morreu durante uma operação das Polícias Civil e Militar, na manhã deste sábado (06/04), no bairro de Pernambués, em Salvador.

Gean Barbosa Cardoso, conhecido como “Gean do Encruzo” ou “Gean Canário”, estava em uma casa do bairro, onde os policiais chegaram para cumprir um mandado de prisão contra ele por roubos contra instituições financeiras. Gean era natural de Governador Mangabeira.

Segundo a SSP, durante a ação o imóvel foi cercado e Canário atirou contra os policiais. No revide ele foi atingido, foi socorrido mas não resistiu aos ferimentos. Com ele foram apreendidos dois artefatos explosivos, detonadores, uma pistola calibre 40, munições, entre outros itens.

Conforme a SSP, Canário atuou em explosões de agências bancárias nas cidades baianas de Castro Alves, Maragojipe, Conceição de Feira e Governador Mangabeira. O suspeito também tinha participação em sequestros ocorridos nos municípios de Santo Antônio de Jesus, Cruz das Almas e Muritiba.

Participaram da ação equipes do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope), do Batalhão de Choque, do CPE, Draco, SI da SSP, Cipe LN, 1a e 27a CIPMs e Rondesp Leste.

“Mais uma demonstração de união da polícia baiana. Parabéns aos militares e civis que participaram das investigações e localização deste perigoso alvo”, declarou o secretário da Segurança Pública, Maurício Teles Barbosa.

Editado por Tribuna do Recôncavo | Fonte: G1