O prefeito da cidade de castro Alves (BA), Thiancle Araújo, autorizou nesta quarta-feira, dia 22, a reabertura do comércio, porém, os lojistas e clientes terão que usar máscaras de proteção. O descumprimento gera medidas administrativas e multa.

Além de lojas de serviços essenciais que já estavam funcionando, ficam autorizadas a funcionar lojas automotivas, de material de construção, moda, departamento, serviços e outras. Bares e restaurantes seguem funcionando com entrega a domicílio ou retirada no balcão. Academias, clínicas de estética, igrejas e templos religiosos ficam proibidos de retomar as atividades.

Como medidas auxiliares de prevenção, a Prefeitura Municipal está realizando a borrifação com hipoclorito de sódio nas ruas da cidade. A prefeitura também contratou aproximadamente 30 mototaxistas para realizar entregas a domicílio, para clientes que queiram fazer compras em estabelecimentos fechados. O serviço de Delivery não tem custos para comerciantes e compradores, pois, as viagens serão pagas pela prefeitura.

As barreiras sanitárias nas entradas da cidade voltaram a ser instaladas, onde os visitantes passam por entrevista e aferição de temperatura.

Fonte: Tribuna do Recôncavo