Um homem foi preso em flagrante na segunda-feira, dia 5, em Nilo Peçanha, no Baixo Sul da Bahia, suspeito de praticar o exercício ilegal da medicina. Segundo o coordenador da 5ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior de Valença, delegado José Raimundo Nery, o suspeito atuava em uma unidade de saúde do povoado de São Benedito.

“Além do exercício ilegal da medicina, o suspeito também foi autuado pelos crimes de falsidade ideológica e falsificação de documentos públicos, pois atendia usando a identidade e o carimbo de um médico, com assinaturas em vários documentos internos”, explicou Nery.

Gestores da unidade de saúde foram ouvidos e apresentaram cópias de documentos e o carimbo usados pelo falso médico.

Editado pelo Tribuna do Recôncavo | Informações: Bahia.Ba