Um casal foi detido, por mandado de prisão preventiva, nesta terça-feira (24), por estuprar as duas filhas e fazer vídeos dos abusos. Os crimes aconteceram no bairro do Lobato, em Salvador, mas os dois foram presos na cidade de Itaberaba (BA), região da Chapada Diamantina.

A Polícia Civil detalhou que eles foram denunciados no ano passado, depois que vizinhos descobriram a situação. O casal estava foragido. O homem foi preso em uma pedreira no bairro Cascalheira com um documento falso. Durante a prisão, ele acabou confessando a polícia o verdadeiro nome. Já a mulher foi presa logo em seguida, no bairro Jardim das Palmeiras.

A polícia não detalhou onde as crianças, vítimas dos abusos, estão. As idades das crianças também não foram divulgadas. O casal foi preso por equipes da 12ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin), e está à disposição da Justiça. Os nomes dos dois não foram revelados.

G1-BA