Passar as férias de verão na praia é um dos destinos mais comuns do brasileiro e, para quem tem casa de veraneio, é garantido aproveitar a estação mais quente do ano perto do mar. Entretanto, para que as noites de sono sejam tão perfeitas quanto a viagem, é necessário cuidar para que os colchões que ficaram guardados não estejam mofados ou reproduzindo ácaros e outros micro-organismos causadores de doenças devido à umidade do litoral. Pensando nisso, Jeziel Rodrigues, consultor do sono da Anjos Colchões & Sofás, preparou algumas dicas para manter esse cuidado. Confira.

  • O colchão precisa de ar! Deixe-o sempre em lugares ventilados e arejados. Ao sair, cubra-o com algo leve, que não impeça a entrada de ar mas evite que pegue pó;
  • Proteja-o. “Capas impermeáveis usadas diariamente ajudam na conservação do material, impedindo que líquidos e o suor cheguem ao tecido. Além disso, também protege contra poeira e pelo de animais”, indica Rodrigues;
  • Limpeza é fundamental! Chegando na casa, passe aspirador de pó no colchão para retirar possíveis micro-organismos na superfície que podem ser prejudiciais à saúde e coloque lençóis limpos;
  • É hora de trocar. “Também é importante ter em mente  a vida útil do colchão, que envolve desde o material para fabricação até a qualidade do produto. Os de espuma devem ser trocados a cada cinco anos, já os de mola a cada oito anos”, pontua Jeziel.

Fonte: Anjos Colchões & Sofás