Durante e após o feriado da Independência do Brasil os garis que fazem a limpeza da Praça Padre Mateus, em Santo Antônio de Jesus (BA), tiveram muito trabalho. Em entrevista ao Tribuna do Recôncavo, a gari Elisângela Oliveira dos Santos falou que duas equipes de garis trabalharam das 11 às 21 horas da quarta-feira, dia 7, no entanto, ao chegaram na praça no dia seguinte havia muito lixo no chão.

Segundo Elisângela, isso sempre acontece nos feriados e fins de semana, mas nesse último feriado a quantidade de lixo encontrada na Praça Padre Mateus foi altíssima. Mesmo com a existência de 36 lixeiras no local, alguns frequentadores da praça não colaboram, pois, onde comem deixam as embalagens, latas, caroço de amendoim, etc.

“A gente sai recolhendo o lixo das mesas e bancos e quando a gente olha pra trás tá tudo sujo de novo”, disse a entrevistada, ressaltando que no banheiro público da praça não é diferente, “as pessoas não dão descarga, jogam papel higiênico dentro do vaso sanitário e sempre gastam mais papel do que o necessário e quando a gente reclama falam que a gente tá ganhando pra limpar”, disse a entrevistada.

OUÇA A ENTREVISTA QUE HÉLIO ALVES FEZ COM ELISÂNGELA:

ENTREVISTA E TEXTO: Hélio Alves/ Tribuna do Recôncavo®