As coordenadoras paroquiais da Pastoral da Criança, em Nazaré (Ângela e Débora) e em Muniz Ferreira (Marluce), participaram na manhã de sábado, dia 13, de uma reunião na comunidade de Santo Antônio, em Nazaré (BA). O encontro foi conduzido por Iolanda Ribeiro (coordenadora diocesana) e Eunice Pereira (representante da Forania São Pedro). As coordenadoras em Jaguaripe e Aratuípe não compareceram. O encontro contou com a presença do Padre Roberto.

Segundo Eunice, a reunião de Forania acontecia mensalmente, mas por conta da pandemia está sendo realizada de 2 em 2 meses. Ainda segundo Eunice, por se tratar de prestação de contas, que necessita das assinaturas dos coordenadores: paroquial, diocesano e forânico, a equipe preferiu fazer presencial, mas com a quantidade mínima de pessoas e seguindo todas as recomendações dos órgãos de saúde.

Na quarta-feira, dia 17, acontecerá em Santo Antônio de Jesus a reunião com coordenadores da Pastoral da Criança nas demais paróquias da Forania São Pedro: São Felipe, Dom Macedo e Conceição do Almeida.

Sobre a Pastoral da Criança

A Pastoral da Criança é uma organização de ação social da CNBB (Conferência Nacional dos Bispos do Brasil), criada há 37 anos pela médica sanitarista Zilda Arns – que morreu em missão no Aiti, vítima de um terremoto ocorrido em janeiro de 2010. A ação básica da PC, cuja mão de obra é totalmente voluntária, é o acompanhamento nutricional de crianças e gestantes. A Pastoral da Criança teve inicio no município de Florestópolis, Arquidiocese de Londrina, no estado do Paraná, em 1983, e hoje está presente em 20 países: 4 na África, 2 na Ásia, e 14 na América Latina e Caribe.

Reportagem e redação: Hélio Alves/ Tribuna do Recôncavo