A Ordem dos Advogados do Brasil Seção Bahia e suas comissões de Direitos Humanos e de Direito Militar divulgaram nota de pesar, nesta segunda-feira, dia 09, diante do assassinato dos policiais Soldado Victor Vieira Ferreira Cruz, Soldado Shanderson Lopes Ferreira e Soldado Alexandre José Ferreira Menezes Silva, ocorridos neste final de semana.

“Consternada por essas perdas, a OAB-BA e suas comissões se solidarizam à Polícia Militar e às famílias dos policiais mortos, comprometendo-se em acompanhar as investigações, inclusive cobrando celeridade, para que os acusados sejam apresentados à Justiça o mais rápido possível”, diz entidade em nota.

Ainda segundo o documento, as circunstâncias das mortes atraem forte comoção e preocupação da OAB da Bahia, bem como das referidas comissões, frente à crescente violência. A entidade afirma que é imprescindível a atenção e cuidado com a segurança dos profissionais da segurança pública, sob pena de grave violação aos Direitos Humanos que atinge a sociedade como um todo.

Metro1