O ex-presidente da Fifa Joseph Blatter concedeu entrevista ao jornal suíço “Tages-Anzeiger”, publicada nesta terça-feira. Nela, o dirigente — suspenso do futebol — declarou que a escolha do Catar como país-sede da Copa do Mundo de 2022 foi um erro.

“A escolha do Catar foi um erro. Eu era o responsável por isso, como presidente da Fifa. Na época, nós concordamos com o Comitê Executivo que a Rússia deveria receber a Copa de 2018 e os Estados Unidos a de 2022. Seria um gesto de paz entre esses países oponentes politicamente”, declarou Blatter.

Na visão do ex-presidente da Fifa, o Catar é pequeno demais para receber a Copa do Mundo. O país foi escolhido como anfitrião da edição de 2022 ainda em 2010, em meio a acusações de compra de votos. “É um país pequeno demais. O futebol e o Mundial são grandes demais para isso. Para mim é claro: o Catar foi um erro. Foi uma escolha ruim”.

GE