A indígena Pataxó Luzia Silva Matos, natural de Santa Cruz Cabrália, na Costa do Descobrimento, tem sido cotada para assumir um cargo no governo Luiz Inácio Lula da Silva (PT). Luzia Pataxó, como é conhecida, deve ser o nome escolhido para a Secretaria Especial de Saúde Indígena (Sesai). Integrante do grupo de transição do governo eleito, a baiana foi indicada ao cargo pela Federação Indígena das Nações Pataxó e Tupinambá do Extremo Sul da Bahia (Finpat), pelo Movimento Indígena da Bahia (Miba) e pelo Conselho de Caciques Pataxó.

Luzia disse que caso assuma a pasta quer levar as políticas públicas até a base indígena, com as equipes de saúde em atendimento diário ao mesmo público. Luzia Pataxó também pretende incentivar a construção de unidades de saúde indígena com o objetivo de fazer com que os atendimentos deixem de serem feitos em escolas e igrejas, como ocorre atualmente por falta de local apropriado.

Outra demanda é a maior agilidade em procedimentos de média e alta complexidade.  Com 47 anos, Luzia Pataxó é casada, tem dois filhos, nasceu e mora até hoje na aldeia indígena de Coroa Vermelha. Formada em Ciências Humanas e Sociais, é concursada no município de Porto Seguro, onde trabalha há 19 anos na área da saúde indígena.

Redação: Bahia Noticias | Informações: Radar 64