Jeane Oliveira Andrade, de 23 anos, residente em Presidente Tancredo Neves, no Sul da Bahia, foi recebida com flores após ser curada da Covid-19.

A acolhida foi feita na quinta-feira, dia 10, por seu esposo Fagner e demais familiares, na porta da Santa Casa de Misericórdia de Valença.

Jeane foi internada no dia 27 de maio no Hospital de Presidente Tancredo Neves, e no dia seguinte foi transferida para a Santa Casa em Valença, onde ficou 14 dias internada, sendo 9 em estado de intubação.

Redação: Tribuna do Recôncavo | Informações: PTN News