Um cavalo furtado em João Dourado, no Centro Norte baiano, foi recuperado por investigadores da 14ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin/Irecê). O animal, da raça mangalarga marchador, foi encontrado em uma fazenda no povoado de Angical, no último sábado, dia 06. Ele tinha sido furtado durante uma cavalgada no mesmo povoado no dia 16 de outubro. Segundo a Polícia Civil, o autor do crime, que não teve a identidade revelada, já foi identificado e vai responder por furto qualificado. A pena para esses casos é de dois a cinco anos de reclusão.

 “Iniciamos as investigações assim que tomamos conhecimento do fato. O cavalo pertence a uma criança de cinco anos, que estava sofrendo com a perda do companheiro, o que sensibilizou os policiais”, disse o coordenador da 14ª Coorpin/Irecê, delegado Ernandes Reis Santos Júnior. A sela e os arreios que o animal usava no dia do furto também foram recuperados.

Ao final da ação, os policiais levaram o cavalo e os itens ao proprietário. Participaram do trabalho equipes da Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes (DTE/Itabuna) e da Coordenação de Apoio Técnico à Investigação (CATI/Chapada.

Bahia Noticias