A Croácia adotou o euro como moeda neste domingo, dia 01, e se integrou ao espaço Schengen de livre circulação — dois grandes passos para esse pequeno país dos Bálcãs, que entrou na União Europeia há cerca de uma década.

À meia-noite de domingo, dia 01, os croatas se despediram não apenas de 2022, mas também da própria moeda, a kuna. A Croácia se tornou, assim, o 20º país da zona do euro, dos 27 que formam a União Europeia.

Também passou a ser o 27º Estado a aderir ao espaço Schengen, uma ampla região com mais de 400 milhões de europeus que podem viajar livremente, sem controle nas fronteiras domésticas. Esse espaço é integrado principalmente por países do bloco europeu, além de Suíça, Noruega, Islândia e Liechtenstein.

Metro1