A 10ª edição da Festa Literária Internacional de Cachoeira (Flica) encerra neste final de semana (5 e 6) e conta com uma programação voltada para temas como ancestralidade, juventude e diversidade. Também se apresentaram no Palco Ritmos artistas como Sued Nunes, Orquestra de Reggae e Ilê Aiyê.

Entre os participantes deste sábado está o criador do ‘Projeto Querino’, Tiago Rogero, que comanda uma discussão na Tenda Paraguaçu sobre ‘Quem são as nossas referências?’ com a escritora Bárbara Carine. Tiago é jornalista e comanda o podcast produzido pela Rádio Novelo ‘Projeto Querino’, que foi lançado neste ano e conta com oito episódios como a história pode explicar o Brasil de hoje. Rogero também é criador e apresentador dos podcasts narrativos Vidas Negras (Spotify/Rádio Novelo) e Negra Voz (O Globo).

Ainda neste sábado, desta vez no palco da Geração Flica, o influenciador digital Vitor Fernandes vai guiar um debate com o escritor Matheus Peleteiros sobre ‘Livros, filtros e outras formas de escrever nas redes’. Já no domingo, último dia da Festa Literária, os cachoeiranos e visitantes vão ter a oportunidade de acompanhar um Sarau dos Poetas às 10h, uma discussão às 10h30 sobre Resistência nas comunidades e nos quilombos – Crônicas, contos e romances com participação de Joilson F. Santos, Albert Elias e Lucas Miranda e apresentação da banda Ilê Aiyê às 12h.

Sobre a Flica

Com primeira edição em 2011, há 10 anos a Festa Literária Internacional de Cachoeira (Flica) se estabelece como um dos principais encontros literários do Brasil, tornando-se um local de reunião de multidões criativas de todas as origens. A festa nasceu e se afirmou no Recôncavo da Bahia, no município de Cachoeira, região estratégica para o entendimento do desenvolvimento socioeconômico e cultural do Brasil e pano de fundo para escritores como Gregório de Matos, Castro Alves, João Ubaldo Ribeiro e Jorge Amado. O evento é uma realização da Fundação Hansen Bahia em parceria com a CALI – Cachoeira Literária, conta com o patrocínio da Bahiagás e do Governo do Estado da Bahia e tem a LDM como livraria oficial, com apoio da Prefeitura de Cachoeira, Universidade Federal do Recôncavo da Bahia -UFRB e Instituto Ibirapitanga.

Confira programação completa:

5 de novembro:

Fliquinha:

09:20 – Rosilda Xavier, Marina Medeiros e Livia Goes com tema Karina E O Monstrinho Azul/Makeba Vai À Escola;

10:30 – Aventuras Do Mike;

11:30 – Ana Fátima com o tema As Tranças De Minha Mãe;

14:30 – Palmira Heine e Elaine Kriss com tema A borboletinha não quis mais ficar na cozinha/Lalá, Cadê Você?;

15:30 – ricardo ishmael com o tema A Princesinha de Olho Preguiçoso;

16:30 – Geraldo Magnanimus com o tema Show De Mágica/Dandara Na Terra Dos Palmares.

Geração Flica:

9:30 – Vitor Fernandes e Matheus Peleteiro com o tema Livros, filtros e outras formas de escrever nas redes (mediação de Enderson Araujo);

11:00 – Lukete e Juzé com o tema Poesia Que Conecta (mediação de Roger Ferreira);

14:30 – Ryane Leão e Esteban Rodrigues com o tema Vivências: versos de coragem (mediação de Mariana Madelin);

16:00 – Nanna Sanches e Patrick Torres com o tema A fofoca literária como gênero de divulgação (mediação de Morgana Lobo).

Tenda:

9:50 – Sulivã Bispo e Luana Souza com tema Escritas e narrativas do Recôncavo para o mundo (mediação de Lorena Ifé);

11:00 – Tiago Rogero e Barbara Carine com tema Quem são as nossas referências? (mediação de  Luciana Brito);

15:30 – Amara Moira e Leticia Nascimento com tema  E se eu fosse pura ou puta? (mediação de Satta);

17:30 – Carla Akotirene e Marcia Kambeba com tema Ecos, ritos e traços da ancestralidade (mediação de André Santana).

Palco dos Ritmos:

Orquestra de Reggae

Orquestra feminina do recôncavo

Sued Nunes

6 de novembro:

Tenda Paraguaçu:

10h – Sarau dos Poetas

12h – Ilê Aiyê

ASCOM