O Brasil tem atualmente 12,2 milhões de desempregados, o que é equivale a 13,1% da população, aponta a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Covid-19 (Pnad Covid-19) divulgada nesta sexta-feira, dia 31, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Os dados são relativos à segunda semana de julho.

A taxa é superior ao índice de 12,3% da semana anterior (11,5 milhões) e da primeira semana de maio, que registrou 10,5% da população desocupada. A Pnad Covid-19 estima em 81,1 milhões de pessoas a população ocupada do país na segunda semana de julho, enquanto nos sete dias anteriores o número estava em 81,8 milhões, o que mostra queda relacionada à primeira semana da pesquisa, na primeira semana de maio. Lá eram 83,9 milhões de pessoas ocupadas.

Em termos percentuais, o nível de ocupação alcançou 47,6%. O IBGE considerou estável na comparação com a semana anterior (48,1%), mas recuo em relação à semana de 3 a 9 de maio (49,4%). A proximidade da taxa de informalidade chegou a 34%, também uma estabilidade frente a semana anterior (34,2%) e de queda se relacionada à semana entre 3 a 9 de maio (35,7%).

Bahia.Ba