O governador da Bahia, Rui Costa (PT), afirmou, nesta quarta-feira (14), em publicação nas redes sociais, que não vai “permitir mais nenhuma festa de paredão na Bahia”.

Segundo o governador, para festas serem realizadas fechando ruas, as prefeituras precisarão autorizar e comunicar à Polícia Militar previamente. “Caso não haja autorização prévia, a PM deverá apreender os equipamentos sonoros”, escreveu.

Decisão acontece um dia após uma chacina no bairro do Uruguai, em Salvador, onde um grupo armado atacou uma festa paredão e deixou 6 mortos 18 feridos.

Metro1