A Secretaria da Educação do Estado da Bahia prorrogou para até o dia 3 de junho, o período de adesão das unidades escolares da rede estadual de ensino no Sistema de Gestão do Programa Mais Estudo, além do prazo para a identificação dos estudantes monitores, conforme previsto no edital n° 11/2022. O aviso está publicado no Diário Oficial deste sábado (28).

A publicação também sinaliza que fica mantida a data de 1º de junho para o início da monitoria dos estudantes identificados no sistema, até o dia 27 de maio. E o início no dia 6 de junho para os estudantes identificados até o dia 3 de junho, no mesmo sistema.

São 52 mil vagas disponíveis para os estudantes que queiram atuar na monitoria em Língua Portuguesa, Matemática e Iniciação Científica, no turno oposto ao qual estão matriculados. Para este ano, foram destinados recursos próprios do Estado da ordem de R$ 31,2 milhões para o Mais Estudo.

Seleção – Os candidatos estão sendo selecionados a partir de uma listagem de estudantes aptos e pré-habilitados pela Secretaria da Educação do Estado, baseada em suas notas. A inciativa, ofertada pelo governo do Estado, por meio da SEC, oferece uma bolsa de R$ 100, por mês, durante os seis meses de vigência do programa, para os estudantes monitores.

Para estarem aptos a participar do programa, os estudantes interessados precisam seguir alguns critérios: estarem matriculados no ano de 2022; possuírem Cadastro de Pessoal Física (CPF); e terem obtido aproveitamento no componente curricular para o qual pleiteiam a monitoria, com média igual ou superior a oito no ano anterior. Para mais informações, acesse o edital no endereço: https://bit.ly/3w3IUaK.

SEC