O Brasil se tornou o líder mundial em casos de assédio telefônico, segundo levantamento do serviço de bloqueio de chamadas Truecaller, que analisa 60 bilhões de ligações por mês no país.

Ainda segundo o serviço, a média brasileira dobrou nos últimos dois anos: de 21 passou pra quase 46 chamadas por mês. Segundo especialistas, uma das causas de o Brasil ter atingido esse recorde é falta de regulamentação da indústria de telemarketing.

No ranking mundial, após os brasileiros, os usuários que mais recebem ligações indesejadas estão no Peru, Indonésia, México, Índia e África do Sul, respectivamente.

Metro1