Depois de um final de semana violento em Salvador, pelo menos 14 escolas municipais localizadas nos bairros de Águas Claras, Cajazeiras e Fazenda Grande suspenderam suas atividades. Segundo a Secretaria Municipal da Educação (Smed), a previsão de retorno é apenas quando a situação se normalizar.

A Smed informou que um total de 2.866 alunos matriculados estão sem aula por conta do “clima de insegurança na região”. Desde o último final de semana, os bairros registraram as mortes de três policiais militares e dois suspeitos pelo crime. Na última segunda-feira (9), circularam pelas redes sociais mensagens sobre um suposto toque de recolher em Cajazeiras. A Polícia Militar, no entanto, negou a informação.

As escolas com atividades suspensas são: Escola Municipal Francisco Leite; Escola Municipal Fazenda Grande II Ministro Carlos Santana; Escola Municipal Oscar da Penha; Escola Municipal Maria Antonieta Alfarano; Escola Municipal Beatriz Farias; Escola Municipal Irmã Dulce; Escola Municipal Iraci Fraga; Escola Municipal São Damião; Escola Municipal Eduardo Campos; Escola Municipal Cristo Rei; Escola Municipal Ulysses Guimarães; Escola Municipal Professor Afonso Temporal; Escola Municipal Ricardo Pereira; e Escola Municipal de Educação Infantil Cantinho das Crianças.

Metro1