Uma ação conjunta entre a Polícia Militar e a Polícia Rodoviária Federal, realizada na madrugada deste domingo, dia 11, resultou na prisão de quatro acusados no envolvimento do sequestro do homem de prenome Leonan, fato ocorrido na Rua Nestor Santos, em Santo Antônio de Jesus, na tarde de sábado, dia 10.

Dois acusados foram presos na BR-101 em um veículo de cor preta. Os policiais militares encontraram com os indivíduos dois blusões, uma calça preta, três balaclavas, uma faca, um simulacro de arma de fogo, uma algema, uma fita adesiva e uma placa veicular. Os suspeitos foram apresentados junto com o veículo e todo material apreendido na 4ª Coorpin em Santo Antônio de Jesus.

Outros dois acusados foram presos no Terminal Rodoviário da França, onde acontece o desembarque de lanchas que fazem o transporte de moradores e frequentadores da ilha para Salvador. Com os suspeitos foram encontrados uma pistola 9 mm com um carregador e 21 munições intactas, quatro aparelhos celulares, três correntes, quatro anéis, um relógio, um cartão de crédito e R$ 62 reais em espécie. Os indivíduos foram conduzidos para a sede do Departamento de Repressão e Combate ao Crime Organizado (Draco), em Salvador, para serem tomadas as medidas cabíveis.

O homem que foi sequestrado na Rua Nestor Santos, em Santo Antônio de Jesus, foi levado para uma casa abandonada em uma localidade rural, próximo a BR-101, no município de Laje, onde foi agredido com coronhadas de revolver na cabeça e ferido com um golpe de faca na perna esquerda. Os sequestradores subtraíram da vítima R$ 60 mil reais em joias, e queriam mais R$ 100 mil reais. A família de Leonan fez uma transferência em PIX durante o sequestro e outra transferência ficou de ser feita nesta segunda. Após ter sido liberado Leonan caminhou 40 minutos até à Bahiamido, foi quando conseguiu ajuda dos seguranças para acionar o SAMU. O mesmo foi levado para o Hospital Regional, onde foi atendido e liberado.

Redação: Tribuna do Recôncavo® | Informações: Blog do Valente