O empresário Eduardo Trajano Elias, de 38 anos, um dos sobreviventes da queda de um avião em Maraú, no sul da Bahia, recebeu alta nesta semana. Ele estava internado no Hospital Alemão Oswaldo Cruz, em São Paulo.

A esposa dele, Marcela Brandão Elias, e o filho de 6 anos, Eduardo Brandão Elias, morreram no acidente. A queda também matou a assessora Maysa Marques Mussi, que era irmã de Marcela, o ex-piloto da Stock Car, Tuka Rocha, e o copiloto Fernando Oliveira Silva.

Além de Eduardo Trajano, sobreviveram o piloto do avião, Aires Napoleão, Eduardo Mussi, marido de Maysa, Marcelo Constantino e Marrie Cavelan. As vítimas estavam a caminho de um casamento. As causas da queda ainda não foram esclarecidas pelo Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa).

Redação: BandNews FM | Informações: Metro