Moradores da localidade do Rio da Dona, zona rural de Varzedo, cobram do poder público municipal a recuperação das estradas que dão acesso a comunidade.

Segundo eles, na gestão passada o município começou a fazer a estrada, mas só fez da casa de Perpétua até o rio, porque uma pessoa não permitiu que passasse a máquina em seu terreno. Esse trecho está intransitável. Para viabilizar o acesso à comunidade foi feita uma outra estrada do São José para a localidade do Rio da Dona, que também está precisando ser recuperada com patrolamento e cascalhamento.

Com a falta de manutenção das estradas e devido as chuvas que caíram ultimamente, não está sendo possível o acesso à comunidade do Rio da Dona com carro, e quando alguém fica doente é necessário ser levado nos braços. Foi o que aconteceu com o senhor Isaias Teixeira, de aproximadamente 80 anos, que nos meses de junho e agosto foi levado nos braços de familiares até a estrada principal, para buscar atendimento médico.

Ainda segundo a pessoa entrevistada, a equipe da Unidade de Saúde do Tabuleiro do Castro sempre visita os idosos da comunidade, mas toda vez que o senhor Isaias precisa fazer exames ou ir para a emergência tem que ser levado nos braços. Isaias foi acometido por um AVC.

Através de sua assessoria o prefeito Ari Bahia informou que assim que o período chuvoso passar as solicitações serão atendidas.

Reportagem e redação: Hélio Alves/ Tribuna do Recôncavo