Um homem de 37 anos foi preso, na última terça-feira, dia 10, por manter sete pessoas em cárcere privado. A fim de manter a companheira presa em casa, ele cometia o crime também contra seis filhos. A ação foi realizada pela 21ª Delegacia Territorial, de São Francisco do Conde.

Após receber uma denúncia, a equipe do Setor de Investigação (SI) da unidade foi à residência da família, na localidade de Muribeca. Lá, confirmou que toda a família tinha a sua liberdade privada. A titular da 21ª DT, Maria Tereza Santos Silva, explicou que o machismo foi a origem do crime.

“Ele mantinha os filhos presos para a mãe ficar presa. O problema dele era com a mulher, que ele achava que o traía. E ele a mantinha presa. Ele alegou que ela gostava de rua… Machismo, essa doença. A casa é miserável, mas havia alimento para as crianças, que não passavam fome”, contou. A Polícia Civil solicitou a conversão do flagrante em prisão preventiva, o que foi deferido pelo Poder Judiciário.

SSP