O Ministério da Saúde habilitou sete municípios baianos a receber incentivo financeiro de custeio adicional mensal, para equipes de saúde integradas a programas de formação profissional no âmbito da Atenção Primária à Saúde. A informação conta no Diário Oficial da União (DOU) desta terça-feira, dia 14.

As cidades beneficiadas na Bahia são Santo Antônio de Jesus, Feira de Santana, Santo Estevão, Dias D’Ávila, Dom Basílio, Una e Vitória da Conquista, que vão receber, juntas, R$ 97.500 em recursos de incentivo mensais. Dom Basílio, no Sertão Produtivo, e Una, no litoral sul, vão receber R$ 3 mil cada, além de um profissional de enfermagem e um de odontologia, e uma equipe de Saúde da Família (ESF) e uma de Saúde Bucal (ESB).

Santo Estevão, no portal do Sertão, vai receber R$ 6 mil, e dois profissionais de enfermagem e dois de odontologia e duas equipes de Saúde da Família e de Saúde Bucal. O recurso mensal destinado a Feira de Santana será de R$ 9 mil e a cidade vai receber dois residentes em medicina em duas ESF.

Já Vitória da Conquista, no sudoeste, receberá mensalmente R$ 13,5 mil e três profissionais de residentes de medicina. Na Região Metropolitana de Salvador (RMS), Dias D’Ávila vai contar com sete profissionais de enfermagem e oito de odontologia em quatro ESF e quatro ESB. O valor recebido será R$ 22,5 mil.

Santo Antônio de Jesus, no Recôncavo da Bahia, vai receber o maior valor: R$40,5 mil mensais e sete equipes de Saúde da Família da cidade serão reforçadas com nove profissionais de medicina.

Editado pelo Tribuna do Recôncavo | Fonte: Bahia Noticias