O ex-presidente do Esporte Clube Vitória, Raimundo Viana, venceu neste sábado, dia 17, a eleição para a presidência do Conselho Fiscal rubro-negro. O advogado foi candidato pela chapa Sempre Vitória, que obteve 697 votos dentre os eleitores (56,8%).

Viana derrotou Valmar Oliveira Sant’Anna (Frente Vitória Popular) e Geraldo Del Rei Reis (Deus me Livre não ser Vitória), que tiveram 326 (26,6%) e 204 (16,6%) votos, respectivamente. Com a votação, a chapa Sempre Vitória terá cinco dos nove conselheiros fiscais do clube no próximo triênio, enquanto as chapas Frente Vitória Popular e Deus me Livre não ser Vitória terão dois nomes cada uma.

Figura histórica na política do clube, Raimundo Viana chegou à presidência do Vitória em 2015, após a renúncia do então presidente Carlos Falcão. Na época comandante do Conselho Fiscal rubro-negro, foi eleito indiretamente pelo Conselho Deliberativo para concluir o mandato na administração do Leão da Barra.

Apoiado por Fábio Mota para liderar o Conselho Fiscal a partir deste ano e tendo conseguido, enquanto presidente, um acesso à Série A, “Mundico” – como ficou carinhosamente conhecido quando presidiu o Vitória entre 2015 e 2016 – era considerado o favorito para vencer o pleito.

Bahia Noticias