Com o objetivo de viabilizar a prestação de assistência técnica a 128 empreendimentos solidários, o Governo do Estado inaugura nesta quinta-feira, dia 1º, às 9h30, o Centro Público de Economia Solidária do Baixo Sul, no município de Nilo Peçanha.

O novo centro recebeu um investimento de aproximadamente R$ 1,6 milhão e atuará em 15 municípios da região, beneficiando diretamente 2670 pessoas das zonas urbana e rural. A expectativa é consolidar uma rede de comercialização no Território do Baixo Sul, por meio da implantação de quatro espaços solidários.

A inauguração incluirá apresentação do grupo Zambiapunga Mirim, exposição de produtos dos empreendimentos solidários e bate-papo sobre desafios e avanços da economia solidária. O empreendimento é do Governo do Estado por meio da Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre).

O Cesol – Centro Público de Economia Solidária do Baixo Sul, é um equipamento estratégico da política estadual de economia solidária, um espaço multifuncional público, de caráter comunitário, destinado a articular oportunidades de geração, fortalecimento e promoção do trabalho coletivo solidário. A Bahia possui 13 centros em funcionamento, por meio de parcerias entre o poder público e organizações da sociedade civil.

Editado pelo Tribuna do Recôncavo | Fonte: Ascom/Setre