Moradores de Nazaré das Farinhas, no Recôncavo baiano, fizeram nesta quarta-feira, dia 1º, um bolo de aniversário para a ponte Eunápio Peltier de Queiroz, localizada na Praça Coronel José Bittencourt, centro do Município, que está interditada há quatro anos.

A interdição foi recomendada pelo Ministério Público da Bahia (MP-BA) após risco de desabamento da ponte que fica sobre o rio Jaguaripe. Em 2019 o município chegou a reabrir o acesso, mas a promotora de Justiça Mirella Britto, responsável pelo inquérito que apura as condições estruturais do equipamento urbano, interviu na situação, ao apontar a possibilidade de risco à integridade física dos habitantes e visitantes da cidade. A recomendação é válida até que sejam concluídos os estudos técnicos para averiguar se há risco de desabamento da ponte.

Em publicação nas redes sociais, a prefeita de Nazaré, Eunice Barreto Peixoto, disse que a restauração da ponte já está em processo de licitação. “Mesmo sem o apoio do governo do Estado, é com grande orgulho e alegria que anunciamos as obras para reabertura da Ponte com recursos próprios”, disse Peixoto.

A ponte Eunápio Peltier de Queiroz, construída na década de 50, liga a Praça Coronel José Bittencourt (Praça do Porto) à Praça Walter Bittencourt.

Editado pelo Tribuna do Recôncavo | Informações: Voz da Bahia e Bocão News