Na manhã deste último domingo, dia 9, uma mulher de 46 anos morreu após ser atingida por uma peça de um guindaste, que caiu na Avenida Aliomar Baleeiro, em Salvador. Márcia Cleide Santos Pereira passava pelo local quando o cabo de aço do maquinário se rompeu.

Agentes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foram ao local, mas ela não resistiu aos ferimentos. Familiares de Márcia Cleide contaram que o guindaste era de uma obra da construtora Tenda, que fica ao lado do Cemitério Bosque da Paz. A vítima era funcionária do cemitério e chegava no local para trabalhar.

Segundo a construtora, uma empresa terceirizada havia realizado serviços em uma obra da Companhia e uma de suas carretas, que já estava estacionada longe da obra, iniciou o procedimento de manobra da prancha da carreta por meio de duas correntes que fazem parte do equipamento, onde uma delas se desprendeu atingindo a vítima.

Editado pelo Tribuna do Recôncavo | Informações: G1/ Bahia